Segunda-feira, 09 de Dezembro de 2019
Vida

SEC divulga edital e abre período de inscrições para 12º Festival de Teatro da Amazônia

As inscrições já começaram e vão se encerrar dia 4 de março. No dia 9, do mesmo mês, será divulgado o resultado da seleção dos grupos e artistas participantes



1.jpg Podem participar artistas, grupos e companhias de Manaus e de outras localidades do País
23/02/2016 às 16:38

O Governo do Amazonas e a Secretaria de Estado de Cultura (SEC), em co-produção com a Companhia Teatral de Ideias e a Federação de Teatro do Amazonas, divulgaram nesta terça-feira (23) o Edital e abriram as inscrições para o 12º Festival de Teatro da Amazônia.

Quem quiser participar da mostra não-competitiva – Adulto e Infanto-juvenil – no festival já pode se inscrever a partir desta terça-feira, 23 de fevereiro, até o dia 4 de março, por meio do endereço eletrônico editais.cultura.am.gov.br, com documentação a ser entregue na sede da SEC, na av. Sete de Setembro, 1546, Centro, de 8h às 14h, de segunda a sexta-feira.



Podem participar artistas, grupos e companhias de Manaus e de outras localidades, sendo que estas deverão remeter sua documentação via Sedex, no período de 23 a 26 de fevereiro. Não haverá prorrogação do prazo de inscrições e os espetáculos selecionados receberão um cachê artístico no valor bruto de R$ 15 mil reais.

O Festival de Teatro da Amazônia acontece no Teatro Amazonas, no Centro Cultural Largo de São Sebastião e Teatro Luiz Cabral e tem como objetivo a valorização e o estímulo à produção teatral no Amazonas, região Norte e demais estados brasileiros, de acordo com as exigências estabelecidas no regulamento.

O 12º Festival de Teatro da Amazônia tem ainda, como objetivo, valorizar e difundir o panorama das produções teatrais, que desenvolvam temáticas regionais e demais abordagens de assuntos de enfoque nacional, promover intercâmbio cultural entre os estados brasileiros, da região Norte, e países da região amazônica, por meio da exibição de espetáculos representativos das manifestações originárias, mobilizar artistas e comunidade amazonense em torno das apresentações dos espetáculos teatrais participantes, realizar atividades pedagógicas e encontros setoriais, debates e lançamentos de livros.

Para o governador do Amazonas, José Melo, a cultura do Amazonas ganha mais potência, com a realização de festivais como este. “Talentos se manifestarão e artistas reconhecidos ganharão projeção e levarão o nosso Amazonas para outros pólos culturais”, ressaltou.

O secretário de Estado de Cultura, Robério Braga, se mostrou satisfeito com a divulgação do Edital da 12ª edição do festival. “Com muita alegria anunciamos a realização deste festival, tão necessário para o cenário artístico local e intercâmbio de nossos produtores”, declarou Braga.

Modalidades do Festival

A mostra não-competitiva, que acontece entre 22 e 28 de março de 2016, possui duas modalidades: Adulto e Infanto-juvenil. Durante a mostra, serão apresentados 16 espetáculos inéditos, selecionados, sendo que oito serão na categoria adulto e o restante na categoria Infanto-juvenil.

Os espetáculos participantes deverão ser apresentados em estruturas especificas em regulamento e em consonância com a logística e recursos do 12ºFestival de Teatro da Amazônia.

Seleção e critérios

Os espetáculos inscritos nas mostras serão avaliados no período de 5 a 7 de março deste ano, por uma curadoria composta por três membros de notório conhecimento na área cênica, escolhidos em assembleia pela categoria de Teatro do Amazonas, não oriundos do Amazonas e sem vínculos com grupos, artistas e técnicos dos espetáculos inscritos.

O resultado da seleção será divulgado a partir do dia 9 de março de 2016, por meio do endereço editais.cultura.am.gov.br e pelo portal www.casaraodeideias.com.br. A ordem de apresentação será definida por sorteio, com data e horários pré-estabelecidos.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.