Quarta-feira, 21 de Agosto de 2019
'Seguuura, criiistão!'

'Quer ser feliz? Ame e Perdoe', nova obra de padre será lançada neste domingo (04)

Sucesso no Brasil, padre Alessandro Campos lançará seu terceiro livro, “Quer Ser Feliz? Ame e Perdoe”, às 16h, na Livraria Leitura, no Centro de Eventos do Amazonas Shopping.



29507593985_8122a52882_o.jpg Padre paulista uniu vocação religiosa à música sertaneja e conquistou os fieis (Divulgação/Assessoria)
04/12/2016 às 05:00

Conhecido como “Padre Sertanejo”, Alessandro Campos estará em Manaus neste domingo (4), quando lançará seu terceiro livro, “Quer Ser Feliz? Ame e Perdoe”, na Livraria Leitura, no Centro de Eventos do Amazonas Shopping. Nascido em Guaratinguetá, ele morou em Aparecida e Mogi das Cruzes — todas no interior paulista — onde cresceu em meio à tradicional música de viola. Uniu, então o sacerdócio à música.

A vocação religiosa surgiu ainda na infância. Aos sete anos de idade, brincava de celebrar missa com suco de groselha e bolacha. Aos 13, entrou para o seminário. Mas foi ao assistir um show na “Festa do Peão de Barretos” que veio a inspiração para complementar o evangelismo. Decidiu que também arrastaria uma para cantar, mas em adoração a Jesus Cristo. Em entrevista ao BEM VIVER, ele fala sobre o trabalho e a importância de amar e perdoar.

Como você descobriu que tinha vocação para ser padre? E esse lado sertanejo?

Desde os sete anos de idade eu já queria ser padre. Sempre quis ser padre. Quando criança brincava de celebrar missa com bolacha Maria, suco de groselha e vestido com a camisola da minha avó. Eu venho de uma família pobre do interior. Cresci escutando moda de viola na casa da minha avó, fui criado por ela. Todo domingo, depois da missa, tinha o almoço em família e a diversão era tocar violão e sanfona. Quando me ordenei fui enviado para Brasília, fui capelão militar, construí uma paróquia dentro do colégio militar para celebrar as missas. Antes de pregar, eu cantava um clássico sertanejo que falava de Deus, família, natureza, superação... Tudo começou aí.

Qual é o foco dos teus livros?

Todos os meus livros são reflexões de vivência no dia a dia com as pessoas, com o público, com os fiéis. Eu sempre faço nos meus programas, nos shows e também nos encontros e missas, reflexões sobre como você deve ser feliz, porque Deus nos fez para sermos felizes e Ele nos ama como nós somos. Deus não faz acepção de pessoas, nos é que fazemos; escolhemos de quem seremos amigos, com quem queremos andar, quem deve ter a nossa atenção. E escolhemos as pessoas vitoriosas, bonitas, de alto astral, de altas relações. Na maioria das vezes, nos decepcionamos. Gosto de conversar com as pessoas no ar e de apresentar como Deus é simples, se encontra na simplicidade da vida. Nós é que complicamos. A fé é o que nos faz fortes! E são para as pessoas mais fortes que Deus concede mais desafios!

 ‘Quer Ser Feliz? Ame e Perdoe’ é dividido em duas partes. Fale um pouco sobre isso.

Você só será feliz se viver amando e perdoando. Não tem como amar se você não consegue perdoar e vice versa. Para você se amar e amar ao próximo, precisa aprender a se perdoar, a perdoar e ser perdoado. Todos os dias, todos os momentos, você tem que viver o perdão. O perdão é a chave para a cura de todos os males da alma e do corpo e abre o seu coração para o amor! E quem não é feliz vivendo o amor?

Qual é a importância desses atos?

Certo dia, uma senhora fez de tudo para chegar até mim. Foi em vários shows, nos programas de TV, nas missas... Implorava por uma benção, porque há 30 anos tinha uma dor de cabeça que não passava e os médicos não descobriam o que era. Ela já havia tomado todos os remédios possíveis. Perguntei se tinha algum relacionamento em sua vida que a incomodava, alguma situação mal resolvida. Ela me disse que tinha brigado com a irmã e ido morar em outra cidade. Ambas não se falavam, nem nos poucos encontros familiares e todos sabiam que eram brigadas. Eu falei: ‘Quer ser curada? Quer ser feliz? Ame e perdoe.’ Vá ao encontro de sua irmã e dê o primeiro passo. Deus não vai mudar a sua vida se você não mudar primeiro. Por que você espera resultados diferentes se faz tudo sempre igual? O que é que nós somos sem Jesus? Nada, nada, nada... Jesus nos deixou uma belíssima herança, o maior exemplo de vida que podemos ter: Jesus amava e perdoava.

Cada capítulo fala de um tema específico seja relacionamentos, ou sentimentos...

Todos vivemos, ou viveremos, alguma dessas situações algum dia. No encontro com pessoas de diferentes credos, condição social, raça, cor; durante as minhas viagens pelo Brasil, anotei todos os sentimentos positivos e negativos que faziam dessas pessoas, felizes, infelizes ou com uma falsa felicidade.

Qual é a principal mensagem que você quer passar aos leitores?

Tem cinco atitudes que curam: sorriso, abraço, perdão, alegria, bom humor. O homem mais rico e a mulher mais rica do mundo; é o homem e a mulher que tem quatro coisas: Deus, família, amigos e saúde. O resto, a gente corre atrás.

Você lançou dois CDs que venderam mais de 1 milhão de cópias. Qual é a importância da música na vida de um cristão?

A música faz parte da vida. Ela embala sua vida. Toda música sempre vai fazer com que você traga dentro de si um sentimento, seja ele uma saudade, uma alegria, uma tristeza, uma esperança... Toda canção de certo modo te eleva!

BUSCA RÁPIDA

Com três livros publicados “Quer Ser Feliz? Ame e Perdoe”, “Os Segredos da Felicidade” e “O Que Sou Sem Jesus Nada, Nada, Nada”, o padre Alessandro Campos também tem o mesmo número de álbuns gravados: “O Homen Decepciona, Jesus Cristo Jamais (2014)”, “O Que é Que Eu Sou Sem Jesus” (2014), “Quando Deus Quer, Ninguém Segura” (2015). Este último, tem versão em DVD, com participações do padre Fábio de Melo (“O Último Julgamento”), da cantora Roberta Miranda (“Majestade, O Sabiá”), entre outros convidados. Ele também apresenta um programa semanal na Rede Vida, todas às terças, às 20h (horário de Brasília), chamado “Família Sertaneja”.

SERVIÇO

O que: Lançamento do livro “Quer Ser Feliz? Ame e Perdoe”

Quando: domingo (4/12), às 16h

Onde: Livraria Leitura do Centro de Eventos Amazonas Shopping

Quanto: na compra de um livro (R$ 29,90), ganhe uma entrada

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.