Publicidade
Entretenimento
Vida

Série Guaraná apresenta último espetáculo do ano a partir desta quinta (27), no Teatro Amazonas

O musical "Paixão" ficará em cartaz no Teatro Amazonas a partir de amanhã (27) até o domingo (30), ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do teatro 26/11/2014 às 16:48
Show 1
Espetáculo no Teatro Amazonas terá regência de Marcelo de Jesus
ACRITICA.COM Manaus (AM)

O espetáculo “Paixões” inicia temporada a partir desta quinta (27) e segue durante os dias 28 e 30 de novembro. A trilha sonora do espetáculo foi feita integralmente com músicas do gênio da música clássica, Johann Sebastian Bach. A Amazonas Filarmônica, cuja regência é do maestro Marcelo de Jesus, irá interpretar 18 obras do compositor alemão. Além disso, o Coral do Amazonas, o Grupo Vocal dos Corpos Artísticos e o Madrigal Ivete Ibiapina, somando 108 vozes.

A última apresentação do ano da já consagrada Série Guaraná, é um projeto do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura, será um grandioso espetáculo envolvendo aproximadamente 200 artistas em uma performance inédita.

As obras serão encenadas pelos bailarinos do Corpo de Dança do Amazonas, com direção artística de Caetano Vilela, transformando a sinfonia num verdadeiro musical. “A Série Guaraná é um dos maiores sucessos de público dos eventos culturais realizados pelo Estado e essa edição será ainda mais grandiosa. E é isso que queremos: surpreender sempre”, afirmou o secretário de Estado da Cultura, Robério Braga.

As apresentações contarão ainda com a participação dos solistas Juremir Vieira, Rafael Lima, Bruno de Sá Nunes e Jeferson Bertoldo. “Eles têm vozes marcantes e isso está muito relacionado à obra que será apresentada, que precisa de vozes agudas e com coros altamente treinados”, afirmou Marcelo de Jesus, diretor musical da Secretaria de Estado de Cultura.

Na quinta e na sexta-feira o espetáculo inicia às 20h e no domingo às 19h. Os ingressos para a plateia custam R$ 20 e já estão sendo vendidos na bilheteria do Teatro Amazonas. Os demais setores têm entrada gratuita.

Publicidade
Publicidade