Publicidade
Entretenimento
Vida

Solo de dança combina corpo e projeção no espaço ‘Lugar Uma de Artes’, em Manaus

Francis Baiardi, da Contém Dança Cia., interage com “corpo virtual” em “Episódio 1”, atração gratuita da “Ocupação Lugar Uma”, neste domingo (25) 21/10/2015 às 15:12
Show 1
A apresentação tem entrada franca e faz parte da agenda da Ocupação Lugar Uma
ACRITICA.COM ---

Dois corpos num solo de dança. A contradição é possível em “Episódio 1”, espetáculo da Contém Dança Cia em que a intérprete e coreógrafa Francis Baiardi interage com imagens em projeção digital. A produção será encenada neste domingo, dia 25, no Lugar Uma de Artes, no Centro.

A apresentação tem entrada franca e faz parte da agenda da Ocupação Lugar Uma, contemplada pelo Prêmio Manaus de Ocupação Artística 2015, da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult).

Em “Episódio 1”, Francis Baiardi lança mão das linguagens da Dança Contemporânea e das Artes Visuais, unindo gestos e movimentos de seu corpo a imagens de um vídeo em projeção digital, criado pelos realizadores audiovisuais Michelle Andrews e Emerson Silva.

“É um espetáculo que fala de dois universos, que fala da Dança Contemporânea. Um corpo real interagindo com um corpo virtual num solo de quase 50 minutos”, sintetiza a artista, que assina direção, coreografia, cenografia, figurino e interpretação na montagem.

Encenação à parte, o espetáculo chama a atenção também pelo visual cibernético da vestimenta de Francis e pela trilha sonora, baseada na sonoridade das criações da cantora e compositora islandesa Björk e do percussionista argentino Ramiro Musotto, além de cantos indígenas.

A produção de “Episódio 1” tem colaboração de Ana Carolina Souza, Cléia Alves e Inês Corsino (equipe técnica), Eliberto Barroncas (consultor artístico), Diego Batista e Marcos Apollo (luz). A montagem teve sua primeira apresentação em 2011.

Depois da apresentação, o público é convidado a participar de um bate-papo com Francis Baiardi, trocando ideias e percepções sobre o espetáculo de dança e seu processo de criação.

Ocupação

Iniciada no dia 21 de setembro, a Ocupação Lugar Uma tem como objetivo transformar o Lugar Uma de Artes em abrigo para uma série de ações artísticas diárias, ao longo de três meses, com acesso gratuito.

Performances, oficinas, expos de arte, mostras de filmes e lançamento de livro são algumas das atividades no calendário da tomada artística, com gestão cultural de Francisco Rider. A ação segue até 21 de dezembro.

Quem é

Natural de Manaus, Francis Baiardi é coreógrafa, professora e intérprete de dança. É licenciada em Dança pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e pós-graduada em Psicomotricidade pela Universidade Gama Filho (UGF-AM).

Estudou com artistas como Conceição Souza, Marta Marti, Alice Becker, Joffre Santos, Lia Rodrigues, entre outros. Como bailarina, trabalhou em grupos de Manaus, Salvador e Nova York (EUA).

Em 2008, foi uma das organizadoras do Laboratório Contemporâneo, iniciativa de destaque na dança contemporânea amazonense. Fundou no mesmo ano a Contém Dança Cia., onde atua desde então como diretora, pesquisadora, coréografa, produtora e professora.

Entre as criações da companhia estão o espetáculo “Insights, imagens e ensaios” (2010), “Episódio 1”, “T(eu) olhar” (2011) e “Presenças” (2013) – este desenvolvido a partir de intercâmbio internacional com a Cie Le Rêve de La Soie (França).

Serviço

O quê: Espetáculo de dança “Episódio 1”, da Contém Dança Cia – Ocupação Lugar Uma
Onde: Lugar Uma de Artes, avenida Joaquim Nabuco, 1.436, Centro
Quando: domingo, dia 25 de outubro, às 19h
Ingresso: entrada gratuita

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade