Quarta-feira, 16 de Outubro de 2019
TEMPORADA 2020

‘Somos o povo da floresta’ é o tema do Boi Garantido para o Festival de Parintins 2020

'Somos o povo da floresta não só pelo fato de a habitarmos, mas porque reconhecemos que ela possui a sabedoria que todos os seres vivos', disse o presidente Fábio Cardoso



dsadeeefefe_FF163CD4-0902-453B-86C9-CA6A805E6B25.JPG Foto: Divulgação
20/09/2019 às 10:27

“Somos o povo da floresta”. Esse será o tema do Boi-Bumbá Garantido na busca pelo título do Festival Folclórico de Parintins em 2020. O anúncio foi feito na manhã dessa sexta-feira (20) em uma transmissão ao vivo por meio da página do Boi, nas redes sociais. "A dança, a poesia, a música, o teatro, a pintura, os adereços, as fantasias, as alegorias, a paixão e a fé do povo da Baixa de São José reafirmarão, no espetáculo artístico de junho de 2020, que somos seres diferentes e, ao mesmo tempo, iguais viajantes da mesma nave planetária, em cujo comando está a mãe natureza.

Entre as renovações de contrato para a temporada de 2020. O ‘Uirapurú da Amazônia’, Sebastião Júnior, também renovou contrato para ser 'levantador de toadas' no Festival de 2020. tem um recadinho de conscientização em forma de toada para a nação. Roci Mendonça e o time de  back vocals do Boi Garantido, também teve o contrato renovado.

“O Folclore é o elemento de identidade mais genuíno, pois traduz ao vivo a alma de um povo. Com significado, identidade, cidadania, intensidade, criatividade e alegria, o tema ‘Somos o povo da floresta’ propõe um espetáculo que será concebido não apenas pelo senso estético, mas também nos costumes, no sentido de pertencimento e de dignidade do povo”, explicou Fábio Cardoso, do Boi da Baixa de São José, em uma publicação feita na sua página oficial no Facebook.

Veja abaixo



 

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.