Publicidade
Entretenimento
Reiki

A cura na palma da mão: Técnica japonesa trata da saúde mental e física

O reiki promove uma desaceleração da frequência cerebral, o que, ao contrário do que se pode pensar, apenas deixa, segundo ele, o indivíduo mais ativo. 01/05/2016 às 13:21
Show 1076093
Um estudo desenvolvido pela USP, em conjunto com a Unifesp, comprova que a energia liberada pelas mãos tem o poder de curar qualquer tipo de mal estar.(Euzivaldo Queiroz)
Felipe Wanderley Manaus (AM)

O estresse do dia a dia, os problemas e dificuldades da vida e o excesso de estímulos e preocupações de nossos tempos já decretaram: as doenças universais deste início de século são as do espírito e da mente. Porém, como se sabe, também se refletem no corpo, afetando todo o ciclo de harmonia que precisamos para ter uma vida plena e feliz. E é focando neste reencontro com a plenitude espiritual que atua o reiki, uma técnica de origem japonesa que trata doenças como a ansiedade através da imposição das mãos sobre o corpo.

Redescoberto pelo mestre Mikao Usui, que estabeleceu os preceitos da prática como se conhece hoje, a terapia holística é reconhecida pela Organização Mundial de Saúde, indicada por médicos e terapeutas e tem eficácia comprovada em estudos científicos, inclusive de universidades brasileiras como a USP (Universidade de São Paulo). Em Manaus, há espaços voltados à prática do reiki, que também pode ser definido como um sistema de harmonização e reposição energética por meio da energia vital que, segundo especialistas, nos conecta com o universo.

“Não é um indivíduo que beneficia o outro, é o universo”, diz o terapeuta holístico Sani Mileo, para quem o reiki nada tem de místico ou sobrenatural. “(A energia vital) É algo natural do ser humano. Não tem nada de extraordinário”, diz ele, citando a física quântica como ramo da ciência que busca compreender o fenômeno da energia. Sobre os benefícios da prática, cita relatos de cura de patologias físicas e emocionais, de cálculo renal a ansiedade crônica.  “Uma das coisas que o reiki faz é com que as pessoas voltem ao seu ponto de equilíbrio”, afirma.

Ainda segundo Mileo, o reiki promove uma desaceleração da frequência cerebral, o que, ao contrário do que se pode pensar, apenas deixa, segundo ele, o indivíduo mais ativo. “Ao desacelerar a frequência cerebral, você fica mais ativo, porque deixa de dar voltas para resolver alguma coisa”, diz ele, que é mestre na prática há dez anos e hoje presta consultas no Centro de Qualidade de Vida Knesys, no conjunto Shangrilá, zona Centro-Sul de Manaus. Uma delas é o analista de sistemas e fotógrafo amador Edson Paiva, de 44 anos.

Gestor de processos industriais na empresa em que trabalha, Edson vivia uma maneira atribulada, lutava contra o estresse e chegou a sofrer de depressão. A prática do reiki, no entanto, mudou o panorama. “Quando feita por pessoas sérias, você sai (de uma sessão de reiki) energizado. Eu costumo dizer que ligo meu dedo na tomada”, brinca Edson.  “O ser humano cresce em corpo, em espírito e em conhecimento, então tem que haver equilíbrio entre essas três áreas, que são fundamentais pra que você possa ter um equilíbrio na sua vida”, acrescenta.

Luz própria

A energia do reiki, segundo os especialistas, é a energia vital do universo, conduzida pelas mãos de um terapeuta habilitado e sintonizada com a energia que cada indivíduo carrega naturalmente em si, necessitando, na maioria dos casos, apenas ser despertada (o que permite a auto-aplicação do reiki). Luscenir Alves, mestre em reiki e fundadora da Escola de Reiki, no Centro, não cobra pelos atendimentos no centro de terapia holística aos sábados. Para participar do Reiki Solidário, basta agendar a sessão pelos telefones 98133-9355 e 99500-3949 e levar um quilo de alimento não-perecível no dia.

Curso de Reiki no dia 7

No próximo dia 7 de maio, o Centro de Qualidade de Vida Knesys promoverá o curso de Reiki Nível I. Ao custo de R$ 200,  com desconto de R$ 40  para quem já pratica o reiki no centro, o curso será ministrado pelo terapeuta Sani Mileo. Dividido em cinco tópicos (teoria e pratica meditativa, autoaplicação, reequilíbrio energético, realinhamento dos chackras e símbolo de defesa), o curso terá duração de seis horas (de 13h às 19h).

“É um mergulho dentro de si”, diz Sani, que entrou em contato com o reiki em 1999 e é mestre desde 2006. De acordo com o terapeuta, não é obrigatório que os inscritos no curso tenham sido iniciados no reiki, mas seria ideal que já tivessem feito alguma sessão antes, já que o aprofundamento da técnica pode desencadear um forte processe de catarse emocional.

Além de atividades fixas relacionadas à prevenção,  tratamento e saúde geral, o Centro de Qualidade de Vida clínica realiza mensalmente palestras, treinamentos e workshops. “Essas programações têm sempre um foco voltado para o bem-estar, autoconhecimento, autopercepção e  saúde, ou seja, de modo geral, a pessoa que busca se conhecer melhor, vive melhor. E valorizar a imagem pessoal,  melhora autoestima entre outros benefícios que também se relacionam com a qualidade de vida do indivíduo”, ressalta a diretora da Knesys, fisioterapeuta Káren Berlt.

Comprovação científica

Um estudo desenvolvido pela USP, em conjunto com a Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), comprova que a energia liberada pelas mãos tem o poder de curar qualquer tipo de mal estar. O trabalho, do professor da Unifesp Ricardo Monezi, então mestrando da Faculdade de Medicina da USP, foi motivado pelos relçatos bem sucedidos de técnicas de cura pelas mãos, como o caso do johrei, o passe espírita e o reiki.

Serviço

O que é:  Curso de Reiki Nível I

Onde:  Centro de Qualidade de Vida Ksesys (Rua Ernesto Pinto Filho, 16, QD G. Parque Dez de Novembro, conj. Shangrilá)

Quando: 7 de maio (das 13 às 19 horas)

Valor 200 reais

Mais informações: 99204-9724 / 98111-1097 / 4141-2526

O que é:  Reiki Solidário

Onde:  Escola de Reiki (Rua Monsenhor Coutinho, 434, Centro, esquina com Ferreira Pena)

Valor:  três quilos de alimento não-perecível

Dia: todos os sábados (das 9h às 16h; sessões por agendamento)

Mais informações:  98133-9355 e 99500-3949
 

Publicidade
Publicidade