Publicidade
Entretenimento
Vida

Tons nudes e os traçados imperfeitos são a promessa das maquiagens

Público larga glamour e busca sobriedade na hora de se maquiar. Quem garante isso é a maquiadora Jake Falchi, porta-voz da MAC Cosmetics 23/11/2015 às 18:49
Show 1
A proximidade com os tons naturais tem feito a cabeça das mulheres
Laynna Feitoza Manaus, AM

As mulheres do mundo contemporâneo não tem mais tempo para passar duas horas no salão, para serem deixadas “intocáveis”. A mulher de hoje é uma mulher que está vivendo intensamente, e que tem que usar seu tempo de outra maneira. “Não é mais aquela mulher que tem que usar o cabelo certinho ou a maquiagem certinha”, pontua a maquiadora Jake Falchi, porta-voz da MAC Cosmetics, momentos antes do masterclass para maquiadores que ministrou na tarde de ontem (23), no Hotel Caesar Business.

E para compor a tão falada mulher mais real e acessível, as passarelas têm buscado alcançar as mulheres reais, destaca Falchi. Entre a acessibilidade para a mulher real está a própria percepção da mulher no que é ser real, e isso reflete na sua maquiagem. “Uma forte tendência hoje é a da busca pela pele natural, mesmo com maquiagem. Buscar produtos, cores cada vez mais reais e próximas ao seu tom de pele”, ressalta Jake.

A dica de Jake é olhar sua pele e entender quais imperfeições nela você gostaria de minimizar; ou quais pontos prefere realçar. “Em um lugar quente e úmido como Manaus, onde a maquiagem tende a sumir com o passar do dia, e a pele a ficar mais oleosa, é necessário apostar em produtos de longa duração, daqueles que só saem com demaquilante”, orienta.

Pensando no clima e na pluralidade das misturas, Jake sugere a base Matte Master, que se adapta ao tom de pele original, e é voltada para aquelas que enfrentam dificuldades em chegar ao tom exato. E a base Pro Longwear líquida, que existe em duas versões: uma com acabamento mais matte para quem não quer brilho de jeito nenhum; e outra com uma textura um pouco mais “real”. “Quando nossa pele é saudável, ela tem uma viçosidade. Essa base cria esse viço”, confirma.

Com uma pele mais natural, é permitido ousar “de vez em sempre” nos lábios. “A grande tendência mundial de beleza em relação aos tons nudes é que isso não representa uma boca apagada, mas sim um tom nude que realce a cor natural dos lábios. Que deixe uma boca hidratada, bonita, ou mais vermelhinha, ou num tom mais vinho, remetendo sempre à saúde. Ou então cores mais terrosas, como os vermelhos em tons alaranjados”, coloca ela.

Aqui no Brasil, o “boom” de cores e de batons sem brilho (matte) é recente, pontua Falchi. “Estão muito em alta os tons laranja, e mais quentes. Acho que a moda do batom vai ficar por bastante tempo no Brasil, e sempre acompanhado de uma pele bonita e limpa. E sempre que você for escolher um foco, escolha olho ou boca. Porque esse grande foco funciona com um acessório na sua maquiagem”, pondera.

Olhos não escapam

A maquiadora destaca que, embora o caminho de entrada tenha sido o batom, cresce o interesse das brasileiras pela make nos olhos, principalmente pelos olhos esfumados. Isso também inclui as sombras. “Para o dia a dia aposte em tons sem brilho, matte ou acetinados. Aposte em variações de tons sutis do tom de pele (dois ou três tons acima), ou sua cor de pele para esfumar e realçar os olhos”, diz.

“Ou use dois ou três tons abaixo para iluminar, e não use muito mais acima disso para não ficar escuro”, pontua. Na configuração de uma pele natural, está também o esfumado imperfeito. “É aquela coisa do nada milimetricamente traçado. De tudo ter uma certa liberdade poética, de fazer um olho mais borrado, como o olho da Kristen Stewart. Quem olha sente como se aquele esfumado tivesse ali há dias. Não dá para saber onde a sombra começa ou termina. O efeito é sexy”, encerra Jake.

Um olhar molhado


No encontro com os maquiadores de Manaus, Jake falou sobre uma tendência que transcende as passarelas: o famoso olho com efeito úmido. “Ele é feito com sombra seca, mas o aspecto que ele passa é de olho molhado. É uma forma de trazer os olhos das passarelas, feitos com gloss, para o mundo real. Um olho com gloss exige retoques. Se for em festa, não vai funcionar”, diz ela.

Para obter o efeito, ela aponta que esfuma um lápis preto, com um formato maior, e deixa o esfumado borrado, como se o próprio piscar de olhos tivesse feito aquilo. “Há uma sombra chamada ‘Pressed Pigment’, que tem pigmentos prensados, e que é possível pegá-la com o dedo e aplicar nas pálpebras. Isso gera esse efeito”, coloca Falchi.


Publicidade
Publicidade