Publicidade
Entretenimento
Vida

Trupe Hyperfilmes retorna com sátiras à política nacional em nova série de esquetes

Criadores do seriado ‘O Poderoso Zap’, que se tornou um clássico do humor amazonense, os rapazes voltam à ativa após dois anos sem novas produções 02/10/2014 às 16:21
Show 1
Palhaço Goiabadófilo, que busca o foro privilegiado, é um dos esquetes mais ácidos da nova safra
Renildo Rodrigues Manaus (AM)

Fãs saudosos do super-herói amazonense mais popular da web, tremei! Após dois anos de descanso, quando os membros da Hyperfilmes perseguiram projetos pessoais, o coletivo responsável por “O Poderoso Zap” volta à ativa. E a época não poderia ser mais oportuna: as eleições nacionais, com políticos que, embora pareçam piada, podem acabar com o sorriso de milhões de brasileiros.

“Os políticos satirizam o povo direto, então o povo tem o direito de satirizar eles também”. Quem afirma é Raphael Lee, um dos integrantes do grupo, atualmente com seis membros. Todos são admiradores dos filmes de ação produzidos em Hong Kong na década de 1970, bem como do humor escrachado e sem amarras do grupo Hermes e Renato, que fez história na TV brasileira no início da década passada.

Segundo Anderson Lee (todos os membros têm “nomes de guerra” terminados em Lee), a vontade de voltar a conviver e se divertir foi a principal razão para a reunião do grupo. “Todos têm emprego, agora alguns são pais de família, mas a gente sempre gostou muito de se reunir pra bater papo, ver filmes, brincar. E uma das partes mais legais dessa convivência foi quando a gente se reunia pra fazer os curtas-metragens. A gente queria ter essa alegria de novo”, conta Anderson.

Para tornar isso possível, com a vida atribulada e os horários inconstantes dos membros, a trupe firmou o compromisso de se reunir sempre aos domingos, para filmar e editar novo material. A atual safra conta com cinco filmes, todos politicamente incorretíssimos – e hilários –, retratando partidos políticos fictícios: POMBA (Partido do Ocultismo e Misticismo Brasil-África), PINGA (Partido da Intervenção Nacional de Generalização Alcoólica), PICA (Partido Independente dos Carvalho de Almeida), PUTA (Partido Unificado das Trabalhadoras Anônimas) e PALHAÇO (Partido da Alegria Lúdica Harmonizada com o Amor das Crianças Obedientes).


A prostituta Sarah Brazil, mãe de vários políticos, também quer o seu voto (Reprodução/Internet)

A ideia, segundo Anderson, é aproveitar o material já naturalmente bizarro das campanhas políticas e satirizar estereótipos e práticas recorrentes da vida nacional. “A gente quis fazer uma paródia das eleições como um todo, das figuras folclóricas que usam os nomes e as promessas mais estranhas pra tentar se eleger, ou só pra aparecer mesmo”, explica. Mas o grupo não deixou de apontar sua visão ácida para a realidade amazonense: num dos vídeos mais divertidos, o palhaço Goiabadófilo pede o apoio das crianças para se eleger deputado e ter foro privilegiado em julgamentos, numa referência sardônica aos horrendos casos de pedofilia no interior do Amazonas.

Outro ponto alto é a “moça de vida difícil” Sarah Brazil, do partido PUTA, que foi abandonada pelos filhos, todos eles políticos. Em seu esquete, ela pede que o eleitor deixe de votar nos filhos da p***, para votar na própria.

Novos projetos

O sucesso dos novos trabalhos, que vêm sendo compartilhados pelo canal do grupo no YouTube e pela rede social WhatsApp, deu confiança para a Hyperfilmes engatar novos projetos. Segundo Raphael, além de um novo esquete político, previsto para ir ao ar neste domingo (5), o grupo retomou um trabalho gravado há sete (!) anos.

“É o que seria o nosso segundo longa, chamado ‘A Quarta Vingança’. É um filme de ação, onde a gente vai mostrar a nossa paixão pelo kung-fu”, adianta Lee. O filme foi rodado em 2007, e a edição seguiu a passos lentos até 2010, quando o grupo já estava se separando. Com a retomada dos trabalhos, a trupe planeja o lançamento para 2015.

E, claro, Zap, o personagem que deu fama ao grupo, com suas tramas toscas e vozes dubladas (características que continuam tinindo nos novos esquetes) também está nos planos. “Assim que rolarem as eleições, a gente pretende postar uma nova aventura do Poderoso Zap no YouTube, a pedido dos fãs”, conta Raphael. Pelo visto, a zoeira realmente nunca acaba. Ainda bem.

Publicidade
Publicidade