Publicidade
Entretenimento
Sexta-feira (30)

UEA recebe espetáculo ‘Gato Negro’, da Companhia de Teatro Nu Escuro

Companhia realiza apresentações em Manaus, Belém, Recife, João Pessoa e Goiânia para comemorar 20 anos de carreira. Além da peça, haverá debate sobre “Teatro de Rua” 28/09/2016 às 15:15
Show unnamed  1
A obra será encenada nesta sexta-feira (30), no prédio anexo da Escola Superior de Artes e Turismo (ESAT) da UEA (Layza Vasconcelos/Divulgação)
acritica.com

Três mulheres esperam por sete anos um cavalheiro de nome Samuel Godói dos Santos, que prometeu casar com uma delas, mas recebem a visita de uma estranha criatura. O enredo é do espetáculo “Gato Negro”, da Cia de Teatro Nu Escuro, e será encenado nesta sexta-feira (30), às 17h, no prédio anexo da Escola Superior de Artes e Turismo (ESAT), na esquina da av. Leonardo Malcher com Major Gabriel, bairro Praça 14, Zona Sul de Manaus. O evento é gratuito e aberto para à comunidade.

Após o espetáculo será realizado um debate sobre a “Atual realidade do Teatro de Rua”. A Companhia de Teatro é de Goiânia e no ano em que se comemora 20 anos de formação realiza uma turnê pelo Brasil com dois espetáculos: “Gato Negro” e “Plural”. Os alunos do curso de Teatro Juliane Oliveira de Souza e Klindson Cruz integrantes do grupo Tabihuni da UEA são responsáveis pela produção da peça “Gato Negro” em Manaus.

A estudante do 4º período de Teatro da UEA, Juliane Oliveira de Souza, garante que receber a companhia é importante para o intercâmbio cultural. “Vamos conhecer como é o processo de trabalho do grupo e como é o mercado de teatro em Goiânia. O espetáculo é rico em lendas urbanas da região, com reflexões a respeito do lado social e humano”, destacou.

O coordenador do Diretório de Pesquisa Tabihuni CNPq/UEA, Luiz Davi Gonçalves, enfatiza que a Companhia de Teatro entrou em contato para que a cidade de Manaus recebesse as peças, e o professor trouxe uma das apresentações para UEA com o seguinte objetivo. “Receber a companhia incentiva os alunos a pesquisarem sobre o teatro de rua, montarem um espetáculo com essa vertente e quem sabe fazer turnê nacional”, enfatizou.

Sobre o Tabihuni

O Tabihuni existe há dois anos e é um grupo de pesquisa e experimentações das teatralidades contemporâneas e interfaces pedagógicas vinculadas a plataforma CNPq. O objetivo é proporcionar acesso à população as pesquisas teóricas (artigos) e práticas (espetáculos) sobre antropologia da performance e a performance-art, tendo como referência o corpo na arte contemporânea e suas interfaces artísticas (Dança, Teatro, Circo, Artes Visuais, Música e etc.) e interculturalidades (Ribeirinhos, Povos Indígenas, Quilombolas etc.) entre a comunidade acadêmica da Universidade do Estado do Amazonas e artistas da cidade de Manaus. Tem como o idealizador do projeto o Prof. Me. Luiz Davi Vieira Gonçalves(Líder) e a Profa. Dra. Eneila dos Santos (Vice-Líder) professores de teatro da UEA.  Hoje o grupo é composto por professores e alunos pesquisadores.

Espetáculo ‘Gato Negro’

Gato Negro é inspirado em mitos populares do imaginário latino-americano, narra a história de três mulheres que vivem isoladas em uma fazenda no interior de Goiás. A história se passa no início do século 20. Três irmãs que esperam por sete anos um cavalheiro chamado Samuel Godói dos Santos. O homem prometeu voltar e se casar com uma das três donzelas. Durante a espera elas recebem a visita de uma estranha criatura, meio homem e meio gato, que altera a rotina de suas vidas.

Ficha técnica

Direção e Dramaturgia: Hélio Fróes – Elenco: Abilio Carrascal, Adriana Brito, Eliana Santos, Izabela Nascente, Lázaro Tuim
Direção Musical: Abilio Carrascal e Cristiane Perné
Músicas originais: Cristiané Perné, Hélio Fróes e Abilio Carrascal
Coreografias: Lázaro Tuim, Luciana Caetano e Juliano Andrade
Figurinos: Rô Cerqueira
Cenografia: Wagner Gonçalves
Bonecos: Izabela Nascente, Marcos Lotufo e Marcos Marrom

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade