Publicidade
Entretenimento
Vida

Visitantes trocam as 'selfies' pelo 'retrato' em projeto no Centro Histórico de Manaus

Sucesso entre os visitantes, como o próprio nome sugere, o local tem como principal objetivo eternizar em “retrato”, ou melhor, em fotografia  19/11/2015 às 15:44
Show 1
Todos os figurinos são escolhidos cuidadosamente, para retratar a Manaus do século passado
acritica.com* Manaus (AM)

Quem visita a rua Bernardo Ramos, no Centro, desde o último fim de semana para participar do projeto cultural “As portas do passado abrindo as janelas do futuro”, conta com uma nova atração, o “Espaço Retrato”.

Sucesso entre os visitantes, como o próprio nome sugere, o local tem como principal objetivo eternizar em “retrato”, ou melhor, em fotografia, o momento em que as pessoas regressam um século e passam a viver na Manaus da “Belle Époque”, vestindo trajes e adereços daquele período.

O projeto do Instituto Amazônia tem o apoio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult). Uma das responsáveis por essa “viagem no tempo”, a diretora artística Lia Sampaio conta que a ideia surgiu de uma discussão em grupo com idealizadores do projeto.

“Quando me apresentaram esse projeto, mergulhei nele. Fiquei apaixonada pelas pesquisas aprofundadas que fizeram sobre o que acontecia na rua Bernardo Ramos no século passado. Decidimos então, que a cada novo fim de semana, além do que já estava programado, iria entrar uma novidade. E de uma conversa em grupo, surgiu a ideia dos retratos dos visitantes”, contou.  

E valorizando cada detalhe característico do século 20, os visitantes entram na brincadeira e trocam a tão popular “selfie” pelo “retrato”. “Eles fazem uma festa, formam fila para entrar no estúdio. Tem um fotógrafo que fica à disposição, das 17h às 22h.

O espaço fica lotado, o primeiro fim de semana foi um sucesso  e acredito que vai ser assim até o último. Todos os figurinos são escolhidos cuidadosamente, "Tem sido prazeroso e um grande aprendizado”, comentou Lia.

O “Espaço Retrato” está localizado na garagem do Instituto da Amazônia, localizado na Bernardo Ramos, Centro Histórico de Manaus. Os visitantes que fizeram suas fotos podem conferir as imagens no site

Exposição

Neste fim de semana, o projeto “As portas do passado abrindo as janelas do futuro” funcionará apenas no sábado (21). E quem for ao local poderá conferir uma exposição inédita com fotografias feitas na rua Bernardo Ramos desde o início do projeto, em outubro deste ano.

Quatro fotógrafos acompanharam a programação durante todos os fins de semanas em que o projeto ocupou a rua e agora seus registros ficarão em exposição no espaço Amigos da Marinha. As fotografias são de Carlos Navarro, Gedeon Santos, Jorge Herrán e Selma Maia.

O quê: “As Portas do Passado Abrindo as Janelas para o Futuro”

Quando: 21/11 às 17h.

Quanto: Gratuito

Onde: Rua Bernardo Ramos, ao lado do Paço da Liberdade – Centro.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade