Terça-feira, 21 de Maio de 2019
Benefícios do iogurte

Você já tomou seu iogurte hoje?

Nutricionista fala sobre as diversas propriedades positivas encontradas no iogurte para o organismo



1.jpg
Iogurte ajuda na manutenção das ações intestinais e auxilia na desintoxicação do organismo
17/01/2013 às 10:58

O iogurte faz mais bem ao organismo do que se imagina. O alimento que agrada facilmente qualquer paladar possui várias propriedades benéficas para a saúde das pessoas e deve ser incluído na dieta diária de todos. A nutricionista Dagmarcia Tumeo fala sobre as verdadeiras maravilhas que este produto derivado do leite pode fazer pela saúde.

O aparelho digestivo contém bactérias benéficas ao corpo, que auxiliam na digestão dos alimentos e são necessárias para a produção de certas vitaminas. As “ bactérias do bem” contidas no iogurte são responsáveis pela manutenção de uma flora intestinal normal e também evitam o crescimento de microorganismos indesejáveis que podem causar doenças.

 De acordo com a nutricionista, o iogurte é uma ótima fonte de cálcio e ajuda também na produção de anticorpos, hormônios e enzimas, importantes para o metabolismo. Ele ajuda a reforçar o sistema imunológico e retarda o envelhecimento. O alimento também contribui para o fortalecimento dos ossos e do sistema nervoso. A vitamina A presente no iogurte melhora a saúde da pele, unhas e cabelos; as vitaminas do complexo B proporcionam energia e oxigenam as células.

Não existem malefícios em relação ao consumo de iogurte, salvo os casos de alergia à proteína do leite. Dargmarcia Tumeo orienta: “ O iogurte, por pertencer ao grupo do leite e derivados na pirâmide alimentar, deve ser consumido junto aos demais alimentos desse grupo: queijo, coalhada, etc, em três porções diárias. Essa recomendação é baseada em uma média de consumo para duas mil calorias. Uma porção equivale a medidas usuais de consumo, por exemplo: uma unidade é equivalente a  uma xícara de chá”. A especialista ainda recomenda que as pessoas optem por iogurtes formulados com leite semidesnatado ou desnatado, e sem adição de açúcar.

Saiba mais sobre os tipos de iogurte encontrados no mercado:

Iogurte Natural: não tem adição de qualquer substância para além das culturas microbianas e do leite. Tem a consistência um pouco mais firme, sabor suave e é ideal para comer puro, com salada de frutas, na preparação de molhos e recheios. Os micro-organismos vivos exercem influência positiva no nosso organismo. Há várias versões desse iogurte, como as com mel e suco de frutas.

Iogurte Desnatado: possui os mesmos benefícios que o iogurte natural. Tem a vantagem de ter menos gordura na sua composição e, com isso, tem baixo valor calórico. Com essa quantidade menor de gordura, é recomendado não só a quem procura emagrecer, mas também aos que estão de olho nos níveis do colesterol.

Iogurte Funcional: desenvolvido especialmente para regularizar o intestino “preso”. Em sua composição conta com a presença do bacilo DanRegularis (Bifidobacterium animalis), que segundo pesquisas é o único que percorre o trato gastrointestinal, chegando vivo e em quantidades grandes ao intestino e, com isso, garante um melhor funcionamento do intestino.

Bebida Láctea: a principal diferença entre iogurte e bebida láctea é uma redução do valor nutritivo do segundo em relação ao primeiro. Além disso, a bebida láctea é mais líquida, enquanto o iogurte é mais consistente. A textura mais leve da bebida é fruto da incorporação de soro de leite, enquanto a base do iogurte é o leite. Pode ser encontrada em diversos sabores.

Leite Fermentado: não é considerado iogurte. Entende-se por leite fermentado ou cultivado o produto na qual a fermentação se realiza com uma ou várias bactérias lácticas que, por sua atividade, contribuem para a determinação das características do produto final.

 

 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.