Publicidade
Carnaval
#Manaus347

Amor de infância teve como cenário belas paisagens de Manaus

A história parece até roteiro de livros de romance, mas é uma história real de dois jovens amazonenses 24/10/2016 às 14:29
Show 17
(Foto: Arquivo Pessoal)
Alik Menezes Manaus (AM)

Um amor inocente e puro nasceu ainda na infância, passou por encontros e desencontros, mas teve um final feliz. A história parece até roteiro de livros de romance, mas é uma história real de dois jovens amazonenses e prova que o amor à moda antiga ainda acontece na cidade de Manaus.

Os protagonistas desse romance são a nutricionista Bárbarah Samissa Alves e o empresário Guilherme Alves, ambos de 27 anos. Tudo começou quando os jovens tinham apenas 9 anos e estudavam em uma tradicional escola salesiana do Centro da cidade.

“Nossa história iniciou na 5ª série. Éramos muito crianças, mas já rolava aquela paquerinha. Lembro que sempre queria dançar com ela nas festas juninas e outras apresentações, mas não tinha coragem de chamar. Depois descobri que ela também queria”, recordou, Guilherme.

Apesar serem crianças, a nutricionista contou que já tinha um  sentimento especial pelo Guilherme e que anos depois virou amor. “Éramos muito novos para entender o que é o amor. Tínhamos um sentimento puro um pelo outro, mas era uma paquera de criança. Ficávamos felizes juntos, nossa paquerinha era pensar um no outro, trocar olhares e brincar nos intervalos da escola”, contou Bárbarah.

O futuro casal estudou junto apenas dois anos, foi então que eles enfrentaram o primeiro desencontro. Guilherme foi transferido de escola, eles perderam contato, foram 10 longos anos sem se ver, sem nenhum contato. Mas para surpresa de ambos, eles reencontram em uma empresa de telefonia onde ambos trabalharam, em um shopping da cidade. “Lembro que fiquei muito feliz de vê-lo de novo depois de tantos anos e achei ele lindo(risos)”, relatou Bárbarah.

A amizade continuou como se eles nunca tivessem perdido contato, mas foi a partir daí que todo aquele carinho que um nutria pelo outro reacendeu. Nessa época, os jovens tinham 19 anos e já começavam a entender que o sentimento que um tinha pelo outro começava a se tornar em amor. Três meses após o reencontro, em 2009, veio o tão esperado pedido de namoro e o primeiro beijinho do casal aconteceu na garagem da casa dela. “Eu era muito tímida e foi um beijo tipo selinho, bem rápido, mas muito especial. Acho que aconteceu do nosso jeitinho e foi lindo”, contou Samissa.

Guilherme foi o primeiro namorado de Bárbarah. O jovem empresário acredita que, apesar de ter tido outros relacionamentos, a vivência do aprendizado mais profundo sobre o amor foi o primeiro para ambos. Para Bárbarah, Guilherme é o grande amor da vida dela.

Logo no início do relacionamento, os jovens ainda não pensavam em casamento. Eles eram universitários e tinham como meta concluir os estudos e a conquista profissional. “Tudo foi acontecendo com o tempo no tempo de Deus e o desejo do casamento veio alguns anos depois”, contou Guilherme Alves.

O tão sonhado pedido de casamento, que toda mulher espera, aconteceu no dia 17 de janeiro de 2013. O dia escolhido era o aniversário de Guilherme. “Nos amamos e, apesar da idade, amadurecemos muito juntos. Vivemos as mesmas coisas, temos os mesmo sonhos, ele me completa”, disse Bárbarah.

Tempos depois os jovens enfrentaram a primeira crise. Bárbarah recebeu uma proposta daquelas irrecusáveis para trabalhar em um município do Amazonas e aceitou. Com a decisão, o jovem casal passava, às vezes, quase dois meses sem se ver. “Ambos pensamos em terminar o relacionamento, não terminamos. E isso fortaleceu ainda mais o nosso amor”, disse GuilHerme.

Apesar de ouvirem de muitas pessoas que o relacionamento a distância não daria certo porque os jovens passavam dias sem se ver. Bárbarah viaja para áreas remotas e ficava totalmente incomunicável. “Guilherme foi compreensível e paciente. A distância nos mostrou a importância de um na vida do outro e eu vi que tudo que eu queria era estar com ele todos os dias”, relatou Samissa.

Mais esperado que o pedido de noivado foi o dia do casamento, que aconteceu no dia 9 de abril desse ano. O casal busca continuar vivendo um amor puro, sob os princípios bíblicos, com a meta de que o amor entre para a eternidade.

Publicidade
Publicidade