Publicidade
Carnaval
COMEÇOU A FESTA!

Banda da Bica ferve em tarde quente com numeroso público “biqueiro”

A Banda da Bica iniciou pontualmente às 16h levando alegria com seus bonecos mamulengos, marchinhas antigas e sambas- enredos de escolas de samba de Manaus e do Rio de Janeiro 18/02/2017 às 18:17 - Atualizado em 18/02/2017 às 20:18
Paulo André Nunes Manaus

A festa está só começando! A Banda da Bica iniciou pontualmente às 16h levando alegria com seus bonecos mamulengos, marchinhas antigas e sambas- enredos de escolas de samba de Manaus e do Rio de Janeiro.

O local da banda, a rua Dez de Julho, recebe um público gigantesco – são esperadas mais de 50 mil foliões de várias partes da cidade.

 Como em todos os Sábados Magros de Carnaval, a Banda da Bica “rivaliza" com a da Difusora, que acontece simultaneamente só que na avenida Eduardo Ribeiro (nela são esperados cerca de 30 mil pessoas).

Em sua 31ª edição a Banda Independente da Confraria do Bar do Armando (Bica) traz o slogan “Tem dinheiro, se não roubar dá pra fazer”.

A festa tem transmissão exclusiva da Rádio A Crítica com os locutores Rildo Alves e Puqueca Di Caprio.

Neste momento no interior do Bar do Armando está tocando a banda de metais Manaus Frevo: a alta temperatura no local não esmorece a jornalista e microempresária Emily Araújo, que está há 9 anos como porta-estandarte da banda.

“Eu espero o ano inteiro para chegar esse dia e conduzir esse estandarte, aí me dá muita alegria”, disse Emily, que espera perder, até à meia-noite, quando se encerra a banda, cerca de 2 quilos.

Filha do português Armando Soeiro, Ana Claudia Soeiro disse que “organizar a banda dá trabalho, mas é muito gratificante e eu espero que onde o meu pai estiver, que ele esteja contente conosco”.

Neste momento se apresenta a bateria show da Reino Unido da Liberdade. Em seguida se apresentará a Orquestra Manaus Frevo e as bandas Cauxi Eletrizado e do Adal.

Publicidade
Publicidade