Publicidade
Carnaval
Especiais

Campeão do Peladão no ano passado muda de nome, mas não se engane, vem forte

Nesta temporada, o “hulk” da zona Oeste passou por algumas modificações, se renovou bastante, mas manteve sua força 10/10/2014 às 15:05
Show 1
São Lukas se juntou ao Compensão e já é o time a ser batido em 2014
equipe peladão ---

A Associação Desportiva São Lukas, da Compensa, “varreu” o Peladinho no ano passado, quando conquistou a categoria de forma invicta e sem tomar um gol sequer. Foi a melhor campanha da história de um campeão do Peladinho.

Nesta temporada, o “hulk” da zona Oeste passou por algumas modificações, se renovou bastante, mas manteve sua força. Agora com o nome São Lukas/Compensão, a equipe está de olho no bicampeonato, mas mantém algo que também foi característico na campanha do ano passado: os pés no chão.

“Nossa visibilidade aumentou muito com o título do Peladinho. Agora todo mundo conhece o São Lukas, sabe como nosso trabalho é feito. Mas continuamos um time humilde, que é apoiado pela comunidade. Os nossos pés continuam firmes no chão”, contou Almeci Lucas, fundador e membro da diretoria do time de craques.

Celeiro

Parte da equipe campeã do ano passado “estourou a idade” (14 anos) e não vai atuar no Peladinho neste ano. Porém, eles seguem na Associação, disputando outros torneios. Alguns jogadores do elenco despertaram interesse de clubes profissionais do Amazonas e de outros Estados. “Nosso goleiro Alexander vai jogar o Amazonense infantil pelo Rio Negro. Outros jogadores nossos vão atuar no Fast. O Ramon, que vai jogar o Peladinho com a gente, chegou a fazer um teste no Internacional-RS. É bom demais ver que nosso trabalho humilde aqui rendeu bons frutos. Nossa maior satisfação é ver que tiramos um menino desses da rota dos caminhos ruins que a rua oferece. Se eles vão ser jogadores profissionais, ou não, será consequência do trabalho deles”, disse o presidente, Alcimário Lucas.

Apenas quatro jogadores remanescentes do título histórico em 2013 podem ser bicampeões da categoria: o volante Maick, o lateral direito Levi e os meias Thiago e Ramon (autor do gol do título de 2013). O restante do elenco veio da “base” da Associação, que trabalha com garotos a partir de 8 anos de idade e disputa diversos campeonatos comunitários durante o ano inteiro pela cidade. “O trabalho da Associação São Lukas começou em 2008, com uma escolinha de 10 garotos. Hoje, temos mais de 200 meninos aqui treinando toda semana. Ainda existem poucos campeonatos de base na cidade, mas sempre disputamos quase tudo o que aparece. O título do Peladinho no ano passado foi um passo muito importante para nosso crescimento”, destacou Alcimário.

O volante Maick disse que a disputa neste ano deve ser bem mais complicada. “Nosso time ficou visado, conhecido. Mas está muito forte também. A gente também precisa correr atrás da vaga no time. Não é porque joguei no ano passado, que tenho espaço garantido entre os titulares”, reconheceu o garoto de 14 anos, que joga e treina na Associação São Lukas desde 2009.

Já o lateral Levi sonha em repetir a volta olímpica no ano passado. “Não esqueço daquela decisão contra o Joga 10/Lidam. Foi um jogo bem complicado, vencemos por 2 a 0 no fim. Quero muito me despedir do Peladinho com mais um título”, disse o estudante, que é fã de Daniel Alves.

Publicidade
Publicidade