Quarta-feira, 11 de Dezembro de 2019
Especiais

Dois gigantes contra duas surpresas disputam as vagas nas finais do feminino

O tradicional Apolo enfrenta o estreante Astro Jr/Stop Game e a famosa Salcomp encara o também iniciante no torneio Campo Dourado Futebol Clube



1.jpg Entre as semifinalistas está o time mais novo do campeonato: o Astro Jr/Stop Game
11/12/2015 às 11:36

Prepare o coração porque na categoria Feminino do Peladão Brahma 2015 a mulherada vai suar muita a camisa nesse domingo. O tradicional Apolo enfrenta o estreante Astro Jr/Stop Game e a famosa Salcomp encara o também iniciante no torneio Campo Dourado Futebol Clube. Os jogos começarão às 14h30 e 16h, sendo que o primeiro jogo no campo do Oswaldo Frota e o segundo no campo do 1º Batalhão da Polícia Militar. Venha conferir.

Estreantes abusadas



Entre as semifinalistas está o time mais novo do campeonato: o Astro Jr/Stop Game. Criado há um ano, o time já chegou ao seu primeiro desafio - derrotar o tradicional e experiente Apolo. A empresária Kátia Soares, uma das donas do clube amador, contou que o time entrou apenas para participar, mas a união e o foco ajudaram a que todas as atletas se empenhassem até chegar entre as quatro primeiras colocadas.

Segundo a empresária, a junção entre algumas jogadoras experientes com a juventude e garra das novatas fez com que o clube tomasse gás no decorrer do campeonato. Assim, o time enfrentará o Apolo, que já foi campeão do torneio. O jogo promete muitas emoções. ”Temos jogadoras que também já foram campeãs e estamos unidas para ganhar esse título”, afirmou Kátia Soares, em entrevista.

Mais uma para o quadro

Se depender da quantidade de medalhas que a zagueira Michelle Matos, de 28 anos, possui em seu quadro, a zaga do Apolo não irá sofrer nenhum gol do time adversário, o Astro Jr/Stop Game.

Tradicional no Peladão, o Apolo já foi duas vezes campeã do torneio nos anos de 2007 e 2008 e vice nos anos seguintes 2009 e 2010. “Já fomos campeãs e vice, vamos atrás de mais um título para os nossos registros”, destacou a zagueira. Criado em 2007, o Apolo é um dos times mais conhecidos da categoria.

Logo no primeiro ano de fundação foi campeão do campeonato. Para a zagueira, a expectativa é de levantar a taça. “Fizemos um bom trabalho até aqui e se chegamos onde estamos temos que ganhar. O fechamento, a união, técnica, garra tudo isso fez a diferença para chegar até aqui”, disse Michele. Confira o jogo e não perca nenhum lance.



Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.