Publicidade
Carnaval
Especiais

Escola Sem Compromisso conta a história do pão na avenida

Uma das mais antigas de Manaus, a G.R.E.S. Sem Compromisso trabalha com o enredo “O pão nosso de cada dia, que o diabo amassou e Deus consagrou” 05/02/2016 às 18:03
Show 1
O tema escolhido este ano pela Sem Compromisso, que jamais foi rebaixada no Carnaval de Manaus, é o 'pão nosso de cada dia, que o diabo amassou e Deus consagrou'
Oswaldo Neto Manaus (AM)

CONFIRA A GALERIA DE IMAGENS

Um pãozinho sempre é bem-vindo e, combinado com muito samba, é capaz de conquistar qualquer pessoa, não é mesmo? É no que aposta o Grêmio Recreativo Escola de Samba Sem Compromisso no Carnaval deste ano. Campeã duas vezes na história, a agremiação promete desvendar na avenida os segredos do pão e seus curiosos significados no dia a dia. No entanto, o resultado dessa receita é o mais esperado: a escola promete muita surpresa durante 1 hora e 10 minutos de festa no sambódromo.

A Sem Compromisso será a segunda a se apresentar na noite de sábado. Com o enredo “O pão nosso de cada dia, que o diabo amassou e Deus consagrou”, a escola irá expor na avenida a evolução do alimento desde a pré-história até os dias de hoje, ressaltando a importância dele como fonte de vida. Isso tudo sob o olhar técnico do time da comissão de Carnaval da escola, composta por Getúlio Lôbo, Ladico, Darlison e James Paixão. Eles foram os responsáveis pela criação tanto do enredo quanto do samba, aguardado para “levantar a massa”, literalmente.

“Gosto de falar daquilo que existe”, afirma o presidente da agremiação, Getúlio Lôbo. Enquanto presidente, Lôbo já festejou alguns pódios comandando a Sem Compromisso, mas ao relembrar de um deles o coração bate mais forte: em 1993, quando a escola decidiu falar sobre o Cine Teatro Guarany e alcançou o terceiro lugar.

“Naquela época falamos dele porque o teatro foi derrubado. Passávamos por algo parecido, porque ficamos sem quadra em 1992 e decidimos juntar essa dor da cidade com a nossa e mostrar algo bonito”, relembrou Getúlio.

Surpresas

O apelido da escola é Sem Compromisso, mas se existe algo que a agremiação se compromete a fazer todos os anos é emocionar o público. No barracão, diversos artesãos dão forma ao último carro da escola, que representará Santa Isabel, padroeira dos panificadores. “Quando nada existe e quando tudo falta, nessa questão do alimento, só sobra o pão da esperança e o carro representa essa salvação”, definiu Getúlio.

Garra de rua

A Sem Compromisso é a terceira escola mais antiga de Manaus, perdendo apenas para a Vitória Régia e Andanças de Ciganos. Surgida em 1979, a agremiação já esteve inserida em diversas áreas da cidade, como o Centro, o Lírio do Vale, a Vila da Prata e, agora, no bairro Nova Cidade, onde, depois de 37 anos ensaiando na rua, reunirá os foliões em uma quadra própria, localizada na avenida Margarita, Zona Norte da capital.

Com as cores preto e amarelo abrilhantando o seu estandarte – tons escolhidos por uma das primeiras porta-bandeiras da escola, conhecida por todos como “Naná” - a Sem Compromisso é simbolizada pelo pássaro tucano, ave amazônica que representa a admiração da agremiação por ícones regionais.

Superação

E se engana quem pensa que a Sem Compromisso “comeu o pão que o diabo amassou” enquanto realizava o seu Carnaval com o pé no asfalto. Segundo Getúlio, em mais de três décadas, a escola nunca sentiu o gosto amargo de ser rebaixada, mesmo sem uma quadra oficial. “Tem aquele lance do futebol: a gente pode perder de 7 a 1, mas vamos continuar amando entrar em campo”, disse.

Ainda segundo o dirigente da Sem Compromisso, o segredo da escola está na alegria dos seus brincantes. “Essa garra está no nosso sangue. Você vai e simplesmente se envolve. É o que eu digo pra todo mundo: você quer saber o que é o Carnaval? Participe um ano dele, e de preferência na Sem Compromisso”.

Ficha técnica

Nome: Sem Compromisso

Fundação: 24.12.1979

Enredo: “O pão nosso de cada dia, que o diabo amassou e Deus consagrou”

Carnavalesco: Ladico, Darlison, James e Mauro

Alas: 18

Componentes: 2.800

Publicidade
Publicidade