Publicidade
Carnaval
Especiais

Escola Unidos do Alvorada levará o rei Arthur para o samba

A mais jovem escola de samba vai contar na avenida, sábado (6), a história do rei Arthur para homenagear outros ícones do esporte, do jornalismo e da política, como Arthur Virgílio Filho e Arthur Coimbra, o Zico 06/02/2016 às 23:27
Show 1
Até o ex-senador Arthur Virgílio Filho está entre os homenageados
Oswaldo Neto Manaus (AM)

CONFIRA A GALERIA DE IMAGENS

A guerra vai começar, mas fique calmo, pois a disputa vai ser de quem tem mais samba no pé! O Grêmio Recreativo Unidos do Alvorada promete levar um exército de apaixonados pelo Carnaval para a avenida. Eles darão vida à trajetória do Rei Arthur, figura lendária retratada em muitos romances. Alguns brasileiros lembrados pela mesma garra do rei, como o ex-jogador Zico e o político amazonense Arthur Virgílio Filho, também serão homenageados pela agremiação, a mais jovem do Grupo Especial de Manaus.

O desfile da Unidos do Alvorada foi pensado para ser uma grande peça de teatro a céu aberto. Tudo deve começar com um grandioso carro abre-alas representando o reino de Avalon, lugar onde o reinado de Arthur iniciou e também se encerrou, quando ele morreu. A história continua a ser contada com alas representando o mago Merlin, o Santo Graal, os arautos e os nobres daquela época.

Animado com o enredo, o presidente da escola, Heroldo Linhares, contou o um pouco sobre o motivo da escolha. “O enredo foi criado por duas pessoas, o Jorge Ricardo e o Leon Medeiros. Optamos por esse por enredo ser muito bom. Fala de um assunto de época mas que está ligado à atualidade. Já estávamos namorando (o enredo) desde o ano passado”, contou.

A atualidade à qual se refere Linhares será exibida por meio das imagens de conhecidos xarás do rei Arhur. Entre eles o ginasta Arthur Zanetti, o ex-jogador de futebol Arthur Antunes Coimba (Zico), o jornalista Arthur Guimarães e o político amazonense Arthur Virgílio Filho, pai do atual prefeito de Manaus, Arthur Neto. Arthur Filho, inclusive, terá seu rosto representado no segundo e último carro da escola, intitulado “Arthur: A lenda ressurge nesse chão”. “Todos eles têm um legado, além do fato de muitos profissionais terem se inspirado neles posteriormente”, explicou Linhares.

Jovem e imponente

A Unidos do Alvorada é a “caçulinha” do grupo especial de Manaus e será a terceira escola a desfilar na avenida, no sábado. Criada há apenas 20 anos, a azul e branco é jovem e imponente como a sua rainha de bateria, Luana Vasconcelos, de 19 anos. Conforme Heroldo Linhares, a escola de samba surgiu da brincadeira entre amigos.

“Existia a Banda do Jacaré. A banda ficava na avenida B, esquina com a rua 8. Ela (banda) cresceu tanto que surgiu essa ideia. Eu e outros poucos amigos pensamos ‘vamos pôr alguma coisa no Carnaval?’. Aí criamos a escola em 1995 e não saímos mais das cabeças”, relembrou.

Quando o assunto é título, a escola pode ser considerada sempre uma das favoritas a levantar o troféu, garante ele. Nos últimos três anos, a Alvorada alcançou um título em 2014 (quando todas as escolas foram sagradas campeãs) e um vice-campeonato em 2013. Atualmente, a quadra da escola fica localizada na rua São Bernardo, esquina com o Prosamim do bairro. Segundo o presidente, a escola ensaiava na rua, mostrando sua garra e força à comunidade. Resultado disso é o incrível fato dela nunca ter sido rebaixada desde sua fundação.

União

As cores da escola, azul e branco, foram escolhidas pelos seus fundadores ainda na década de 90, assim como o seu símbolo, que é o sagrado aperto de mão. “Pensamos ‘bom, se somos um grupo de união, por que não dar as mãos uns aos outros?’”.

Questionado sobre qual a sua expectativa para o Carnaval deste ano, Heroldo comenta que a união do símbolo da Alvorada será compartilhada entre as outras escolas. “Espero que seja um belíssimo Carnaval não só para nós do Alvorada, mas para todas as escolas de samba. É um Carnaval de dificuldade? É. Mas precisamos fazer com que isso mude, não deixando que seja um Carnaval qualquer. O Carnaval é do povo”, declarou.

Ficha técnica

Unidos do Alvorada

Fundação: 15.05.1995

Enredo: “Rei Arthur, o legado de uma lenda”

Carnavalesco: Jorge Ricardo, Leon Medeiros, Marino Caldas, Edmundo Martins, Werhner Botelho, Carlos Silva, Gandhi Tabosa

Alas: 16

Componentes: 2.800

Publicidade
Publicidade