Terça-feira, 21 de Maio de 2019
Especiais

Escolas de samba têm novo prazo para credenciamento no Carnaval de Manaus 2016

O prazo final de inscrição encerra-se na próxima quarta-feira (20). O processo de credenciamento ocorre em duas etapas (análise documental e análise técnica)



1.jpg
Os desfiles das escolas de samba de Manaus começam a partir do dia 4 de fevereiro
12/01/2016 às 15:08

Após um período de reuniões, sugestões e publicação de edital, as escolas de samba de Manaus começaram a realizar inscrições para o credenciamento de fomento ao Desfile Oficial das Escolas de Samba de Manaus 2016, que vai ocorrer no Sambódromo, a partir de 4 de fevereiro.

 A coordenação do evento, a cargo do Governo do Amazonas/Secretaria de Estado de Cultura, divulgou o resultado parcial das escolas de samba credenciadas, que são a Acadêmicos de Cidade Alta, Beija Flor do Norte, Império do Hawaí e Vila da Barra, que fazem parte do Grupo de Acesso “A”, e a Unidos da Coophasa, do Grupo de Acesso “B”.

“Um carnaval mais democrático, elaborado com as sugestões tanto da população quanto dos representantes das agremiações carnavalescas é o que pretendemos e a organização desse evento deve seguir regras para atender a todos que irão participar da festa de forma igualitária”, declarou o governador do Amazonas, José Melo.

O período de inscrição do Edital de 2016 encerra-se na próxima quarta-feira (20). O edital de credenciamento das agremiações carnavalescas – nº01/2016 – está disponível no endereço eletrônico editais.cultura.am.gov.br.

O processo de credenciamento ocorre em duas etapas (análise documental e análise técnica), realizadas por uma comissão encarregada pela seleção dos inscritos, com representantes da Secretaria de Estado de Cultura, da Universidade do Estado do Amazonas, da sociedade civil, do Conselho Estadual de Cultura e da Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Amazonas.

Das escolas de samba do Grupo especial inscritas, a Aparecida e a Sem Compromisso, que desfilam dia 6 de fevereiro, têm até segunda-feira (18) para apresentarem todos os documentos exigidos no edital e finalizarem seus credenciamentos.

As agremiações carnavalescas do Grupo de Acesso “B”, Legiões de Bambas e Unidos da Cidade Nova, também precisam regularizar sua situação documental junto à Secretaria de Estado de Cultura, até quinta-feira (14).

De acordo com o secretário de Estado da Cultura, Robério Braga, esse processo de credenciamento envolve detalhes que são importantes para dar continuidade ao profissionalismo da festa. “Queremos um carnaval cada vez mais vivo, animado e bem organizado, com a participação intensa da população. E nós sabemos fazê-lo, pois já ganhamos reconhecimento no Brasil e no exterior”, concluiu.

Segundo a proposta do edital apresentada no site, o valor do apoio financeiro que o Governo do Amazonas dará às escolas de samba será de 50% do valor do projeto apresentado, enquanto o restante virá da iniciativa privada (apoiadores ou patrocinadores).

Para mais informações sobre outras ações, projetos e atividades desenvolvidas pela Secretaria de Estado de Cultura, acesse facebook.com/culturadoamazonas e o Portal da Cultura.

*Com informações da assessoria de imprensa


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.