Publicidade
Carnaval
Especiais

Final Master do Peladão Brahma 2015: Central Do Coroado goleia o C.A. Ribeiro Júnior e é campeão

Satisfeito, o técnico do Central Cabeça enalteceu o desempenho da equipe e atribui o título à união dos jogadores: “Foi um ano todo de muito trabalho. Conseguimos o nosso objetivo" 20/12/2015 às 16:28
Show 1
Vitória do Central do Corado diante do C.A. Ribeiro Júnior pelo placar de 4 a 1 na categoria Máster do Peladão Brahma 2015
Jhonny Lima Manaus (AM)

CONFIRA GALERIA DE IMAGENS

Sem muita dificuldade, o Central do Coroado goleou o C.A. Ribeiro Júnior por 4 a 1 e sagrou-se bicampeão da categoria Máster do Peladão Brahma 2015.  A boleirada experiente e repleto de ex-profissional do futebol amazonense estava em sintonia e souberam administrar a posse de bola. O duelo de gigantes foi disputado no estádio  Roberto Simonsen (Sesi) com direito à torcida organizada de ambas as equipes.

Mais entrosados, o Central chegou mais vezes à área adversária até que aos 12 minutos Naur , numa jogada pela linha de fundo chuta  de dentro da área e abre o marcador. O Ribeiro Júnior tentava investir no ataque, mas eram sempre brecados pela zaga do Central e apesar das poucas investidas, terminou o primeiro tempo sem conseguir o empate.

A Equipe do Central do Coroado continuou com mais investidas no segundo tempo e logo aos sete minutos lança a bola pela direita e o goleiro Vanderlan aceita o cruzamento. 2 a 0.

Abalados com o resultado, o Ribeiro Júnior partiu para o ataque e deixou a zaga desguarnecida. Maranhão, do Central, aproveitou a oportunidade, driblou o goleiro e empurrou a bola para o gol, marcando o terceiro do Central. Ainda deu tempo de Sival ampliar a goleada com um gol de cobertura. O Ribeiro Júnior ainda descontou com Telmar, mas não foi o suficiente para vencer a partida.

Satisfeito, o técnico do Central Cabeça enalteceu o desempenho da equipe e atribui o título à união dos jogadores. “Foi um ano todo de muito trabalho. Conseguimos o nosso objetivo, fizemos uma partida boa, colocamos todo mundo para jogar, porque no segundo tempo a cobra já estava morta”, ressaltou o treinador

Primeiro a abrir o placar do jogo, o camisa 6,  Naur,  destaca o bom desempenho do time e ressalta que a humildade de todos os colegas foi muito boa para alcançar a glória do título. “Agradeço a todos a participação. Espero que no ano que vem consigamos mais uma conquista”, frisou.

O técnico do Ribeiro Júnior, Júnior, confessou que o time deixou a desejar, mas afirmou estar satisfeito pelo time ter chegado à final. “O time deu uma dormida  onde não era pra dormir, mas estamos de parabéns. Agradeço porque vínhamos ralando desde o inicio. Que venha o próximo ano”, adiantou.

Publicidade
Publicidade