Publicidade
Carnaval
APURAÇÃO

Inicia a apuração do desfile das escolas de samba do Carnaval de Manaus

No primeiro momento acontece a apuração das escolas de samba do Grupo de Acesso C, seguida da apuração do desfile das agremiações do Grupo B, depois do Grupo A e, por último, das escolas de samba do Grupo Especial 04/03/2019 às 10:37 - Atualizado em 04/03/2019 às 14:04
Show cce8c119 5f7c 48db 89d3 02039f5232e6 47a49c60 4758 4bb7 83c6 e01dc10cd62f
Foto: Jair Araújo
acritica.com

Iniciou por volta das 10h desta Segunda-Feira Gorda de Carnaval (4) a apuração do desfile das escolas de samba do Carnaval de Manaus. A leitura dos pontos dos jurados acontece no Centro de Convenções Sambódromo, mesmo local onde as agremiações carnavalescas desfilaram.

No primeiro momento acontece a apuração das escolas de samba do Grupo de Acesso C, seguida da apuração do desfile das agremiações do Grupo B e depois do Grupo de Acesso A. Por último, por volta das 11h, acontece a apuração das escolas de samba do Grupo Especial, com transmissão ao vivo pela TV A Crítica.

No Grupo C são avaliadas as agremiações Meninos Levados, Império do Mauá, Ipixuna, Leões do Barão Açu, Gaviões do Parque e Legião de Bambas. No Grupo B concorrem Tradição Leste, Coophasa, Mocidade Independente da Raiz, Império do Havaí e Presidente Vargas.

No Grupo de Acesso A desfilaram as escolas de samba Coroado, Dragões do Império, Acadêmicos da Cidade Alta, Cidade Nova, Beija Flor do Norte, Balaku Blaku e Sem Compromisso.

As agremiações do Grupo Especial, a Corte do Carnaval de Manaus, são Primos da Ilha, Andanças de Ciganos, Vitória Régia, Vila da Barra, Reino Unido da Liberdade, Unidos do Alvorada, A Grande Família e Mocidade Independente de Aparecida. A TV A Crítica transmite a partir das 11h a apuração do Grupo Especial.

Na apuração de cada grupo são contabilizadas as penalidades de cada escola e o tempo de apresentação. Em seguida são lidas as notas dos jurados nos quesitos mestre sala e porta bandeira, bateria, enredo, samba enredo, harmonia, comissão de frente, fantasia, alegorias e adereços e evolução.

A cerimônia de apuração dos desfiles conta com a participação do secretário de Estado da Cultura, Marcos Apolo Muniz de Araújo, e do staff do órgão governamental. Equipes da Polícia Militar também estão presentes no Sambódromo para controlar a segurança.

Publicidade
Publicidade