Quarta-feira, 21 de Agosto de 2019
Torneio

AM e RR levam dois títulos cada nas finas da Copa Metropolitana de Vôlei, em Manaus

Com disputa em quatro categorias, a competição contou com a presença de seis times de Roraima e 26 do Amazonas



Capturar_69C50AB3-9912-46A7-994B-3AC69EDED421.JPG La Salle venceu as donas da casa por 2 sets a 0 no juvenil. Foto: Winnetou Almeida
02/06/2019 às 20:27

Terminou neste domingo (2) a II Copa Metropolitana de Vôlei, no Centro Educacional Adalberto Valle. Com disputa em quatro categorias, a competição contou com a presença de seis times de Roraima e 26 do Amazonas. Iniciada na quinta-feira (30), o torneio interestadual destinou o sábado (1º) para disputas classificatórias e, hoje, realizou as finais.

Visando a troca de experiência entre as atletas e o crescimento da modalidade na região, a Copa contou com arbitragem profissional e torcida repleta de familiares das jogadoras. Disputada nas categorias infantil e juvenil em ambos os naipes, o torneio foi marcado pela alta competitividade.

No feminino infantil, as meninas do Tancredo Neves vieram de Roraima e venceram a equipe do C. E. La Salle por 2 sets a 0. Cláudia de Araújo, capitã e ponteira do time campeão, disse se tratar de uma grande experiência vir jogar em outro estado. “Cada vez mais vamos aprendendo. A experiência faz com que a gente tenha mais controle nos jogos e passe isso para as mais novas”, afirmou a atleta.

Já na categoria de cima do feminino, o juvenil, um clássico do esporte manauara. C. E. La Salle e C. E. Adalberto Valle se enfrentaram e quem levou a melhor foram as visitantes por 2 sets a 0. “É muito importante ter competições desse tipo, interestaduais. O intercâmbio entre as atletas é essencial no desenvolvimento das jogadoras. Ajuda muito”, pontuou Alexandre Chaves, treinador das equipes femininas do C. E. La Salle.

Já no masculino, na categoria dos mais novos, o título foi disputado em pontos corridos e conquistado pela equipe da Nilton Lins; a segunda colocação ficou com a E. E. Reinaldo Thompson.

Na classe de cima, fechando a segunda edição da Copa, mais um título para o estado de Roraima. Em confronto interestadual, a Nilton Lins teve a chance de concretizar a dobradinha no naipe masculino, mas quem ficou com o troféu foi a E. E. Gonçalves Dias, de Roraima, por 2 sets a 0.

Coordenador da competição, Marcos Martins analisou com bons olhos a presença de equipes de outro estado. “O nível do campeonato foi ótimo. As equipes que vem de Roraima contribuem a acabam elevando o nível do voleibol amazonense”, afirmou.

Assim como na primeira edição, a Copa Metropolitana de Vôlei foi marcada pela organização e cordialidade entre as delegações, com apoio ambulatorial e disponibilização de alimentos. “Cada professor do departamento de Educação Física trata de uma área do evento. Desde a segurança ao chaveamento das equipes. Os pais também contribuíram com a promoção de alimentos e foi bem legal”, afirmou Erinaldo Corrêa, coordenador geral de esportes do Centro Educacional Adalberto Valle.

Receba Novidades

* campo obrigatório
News ac1 c11005fb a54c 4884 8608 3c793bab9e30
Repórter de A CRÍTICA

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.