Quarta-feira, 13 de Novembro de 2019
Torneio

AM e RR levam dois títulos cada nas finas da Copa Metropolitana de Vôlei, em Manaus

Com disputa em quatro categorias, a competição contou com a presença de seis times de Roraima e 26 do Amazonas



Capturar_69C50AB3-9912-46A7-994B-3AC69EDED421.JPG La Salle venceu as donas da casa por 2 sets a 0 no juvenil. Foto: Winnetou Almeida
02/06/2019 às 20:27

Terminou neste domingo (2) a II Copa Metropolitana de Vôlei, no Centro Educacional Adalberto Valle. Com disputa em quatro categorias, a competição contou com a presença de seis times de Roraima e 26 do Amazonas. Iniciada na quinta-feira (30), o torneio interestadual destinou o sábado (1º) para disputas classificatórias e, hoje, realizou as finais.

Visando a troca de experiência entre as atletas e o crescimento da modalidade na região, a Copa contou com arbitragem profissional e torcida repleta de familiares das jogadoras. Disputada nas categorias infantil e juvenil em ambos os naipes, o torneio foi marcado pela alta competitividade.



No feminino infantil, as meninas do Tancredo Neves vieram de Roraima e venceram a equipe do C. E. La Salle por 2 sets a 0. Cláudia de Araújo, capitã e ponteira do time campeão, disse se tratar de uma grande experiência vir jogar em outro estado. “Cada vez mais vamos aprendendo. A experiência faz com que a gente tenha mais controle nos jogos e passe isso para as mais novas”, afirmou a atleta.

Já na categoria de cima do feminino, o juvenil, um clássico do esporte manauara. C. E. La Salle e C. E. Adalberto Valle se enfrentaram e quem levou a melhor foram as visitantes por 2 sets a 0. “É muito importante ter competições desse tipo, interestaduais. O intercâmbio entre as atletas é essencial no desenvolvimento das jogadoras. Ajuda muito”, pontuou Alexandre Chaves, treinador das equipes femininas do C. E. La Salle.

Já no masculino, na categoria dos mais novos, o título foi disputado em pontos corridos e conquistado pela equipe da Nilton Lins; a segunda colocação ficou com a E. E. Reinaldo Thompson.

Na classe de cima, fechando a segunda edição da Copa, mais um título para o estado de Roraima. Em confronto interestadual, a Nilton Lins teve a chance de concretizar a dobradinha no naipe masculino, mas quem ficou com o troféu foi a E. E. Gonçalves Dias, de Roraima, por 2 sets a 0.

Coordenador da competição, Marcos Martins analisou com bons olhos a presença de equipes de outro estado. “O nível do campeonato foi ótimo. As equipes que vem de Roraima contribuem a acabam elevando o nível do voleibol amazonense”, afirmou.

Assim como na primeira edição, a Copa Metropolitana de Vôlei foi marcada pela organização e cordialidade entre as delegações, com apoio ambulatorial e disponibilização de alimentos. “Cada professor do departamento de Educação Física trata de uma área do evento. Desde a segurança ao chaveamento das equipes. Os pais também contribuíram com a promoção de alimentos e foi bem legal”, afirmou Erinaldo Corrêa, coordenador geral de esportes do Centro Educacional Adalberto Valle.

News leonardo 9028af08 26fb 4271 b322 4409cded8370
Repórter do Craque
Jornalista em formação na Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e repórter do caderno de esportes Craque, de A Crítica. Manauara fã da informação e que procura aproximar o leitor de histórias – do futebol ao badminton.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.