Publicidade
Esportes
Craque

27ª rodada do Brasileirão tem recorde de gols, reação contra o rebaixamento e briga pelo G-4 cada vez mais embolada

Foram 31 gols e média de três tentos por partida. Foi a rodada com mais gols, superando a marca dos 29 gols anotados na 4ª rodada 20/09/2015 às 21:30
Show 1
Jadson marca dois e o Corinthians segue firme na liderança
ACRITICA.COM Manaus (AM)

A 27ª rodada do Campeonato Brasileiro trouxe algumas novidades na tabela, tanto na parte de cima quanto na de baixo. A única coisa que não mudou é o Corinthians no topo da tabela mais líder do que nunca e com a moral de, finalmente, vencer um clássico em 2015. No outro extremo da classificação, a mudança mais significativa foi o Vasco passando a lanterna para o Joinville.

Na briga pela vaga do G-4, de todos os aspirantes à vaga para a Libertadores, o único que seu bem foi o Palmeiras, que venceu o Grêmio por 3 a 2 no Pacaembu e foi superior na partida. E além de vencer, o verdão ainda pôde contar com a sorte, já que seus concorrentes, São Paulo e Flamengo, perderam. Com isso, o Porco terminou a rodada na quarta colocação, com 44 pontos.

O Avaí conseguiu vencer o desfalcado São Paulo e saiu da zona de rebaixamento

E o Palmeiras tomou a quarta colocação justamente de um rival, o São Paulo, que perdeu para o Avaí por 2 a 0, gols de Marquinhos e Anderson Lopes. Na Ressacada, o Avaí dominou o jogo, venceu um São Paulo desfalcado e com a terceira vitória seguida, o time catarinense saiu do Z-4.

Já o Internacional, que vinha perseguindo o G-4, viu o grupo dos quatro primeiros ficar mais distante ao empatar com o Figueirense . Em um jogo fraco, o Inter abriu o placar com Alex, de pênalti, mas Thiago Santana empatou a partida. Com isso, o Inter foi para os 41 pontos e ocupa a sétima colocação. O Figueira aparece na zona de rebaixamento, ocupando a 18° colocação com 28 pontos.

Poxa, Inter! Alex abriu o placar, mas ritmo do time colorado diminuiu e o Figueira empatou

Outra briga ferrenha que tem acontecido no Brasileirão é pelo topo da classificação e o Atlético Mineiro, que vinha de duas derrotas seguidas, mostrou que ainda está vivo na disputa pelo título. O Galo atropelou o Flamengo com Guerrero e tudo e aplicou uma goleada de 4 a 1 em um jogo que teve um pênalti perdido pelo Flamengo, e um  golaço de Dátolo. Mas o Corinthians mostrou sua força ao vencer o clássico contra o Santos por 2 a 0, na Arena Corinthians. Com dois gols de Jadson, em um jogo quente e nervoso e com lambranças da arbitragem, o Timão chegou a 57 pontos. Cinco à frente do Atlético, que chegou aos 52.

Atlético ativou o modo "Galo forte e vingador" e passou por cima do Flamengo

Por falar em calor, outro jogo quente foi entre Goiás e Joinville, no Serra Dourada. Jogando com uma temperatura em torno dos 40°C e umidade baixa, o Goiás venceu por 3 a 0 e o nresultado tirou o time da zona de rebaixamento. Já o JEC está com a sua batata assando, já que permaneceu com 23 pontos e viu o Vasco passar para o 19° lugar. As duas equipes têm o mesmo número de pontos, porém o Vasco chegou à sua 6° vitória no campeonato, uma a mais que o time de Santa Catarina.E o Vasco, que muitos davam como morto, começou a reagir. Chegou à sua terceira vitória seguida ao vencer o Sport por 2 a 1, com gols de Nenê e Rafael Vaz e renova a esperança do torcedor vascaíno que “escolheu acreditar” no time.

Vasco vence a terceira seguida e pode estar dando início à uma virada que pode salvar o time do rebaixamento


O Cruzeiro, que há rodadas tenta fugir da zona, conseguiu dar uma respirada ao vencer a Chapecoense por 2 a 0, na Arena Condá com gols de Fabiano e Rafael Lima e, de quebra, mandou a Chape para a zona da degola. Outro time que conseguiu respirar foi o Coritiba, que venceu o clássico contra o Atlético Paranaense por 2 a 0. Gols de Henrique Almeida e Negueba. Chegando a segunda vitória seguida, o Coxa foi aos 33 pontos.

A alegria nas pernas de Negueba apareceu de novo e o Coxa venceu o Atle-Tiba

No meio da tabela o Fluminense foi à campinas e perdeu da Ponte Preta por 3 a 1, na estreia de Eduardo Baptista. A Macaca chegou à terceira vitória seguida com gols de Borges, Fernando Bob e Marlon (contra) marcaram os gols da equipe de Campinas, que chegou à terceira vitória seguida. Gustavo Scarpa descontou. O Fluminense não vence há oito rodadas e está na 12° posição com 34 pontos.

Nos dez jogos da 27° rodada, a rede balançou 31 vezes, um recorde na edição de 2015 da competição.  Média de três gols por partida. Essa foi a rodada com mais gols superando a marca dos 29 gols anotados na 4ª rodada, recorde até então.

A partida que mais contribuiu para o recorde do campeonato deste ano foi Atlético Mineiro X Flamengo: cinco gols só nesse jogo. No sábado (19), Palmeiras e Grêmio também deram uma generosa colaboração: cinco gols na vitória do Verdão por 3 a 2, em São Paulo. Um traço marcante desta 27ª rodada foi o bom desempenho dos mandantes, pois o único visitante que se deu bem foi o Cruzeiro, que derrotou a Chapecoense na Arena Condá por 2 a 0.



Publicidade
Publicidade