Publicidade
Esportes
CORRIDA DE RUA

5ª edição da Corrida Pedestre Ruy Lins ocorre no próximo sábado (18) em Manaus

Corrida vai celebrar os 50 anos da Zona Franca de Manaus, com 3 mil participantes nas disputas de 3 e 6 km. 15/03/2017 às 05:00 - Atualizado em 15/03/2017 às 12:12
Show 784
Corredores de todos os níveis participam da Corrida Ruy Lins, que tem largada e chegada em frente à sede da Suframa
acritica.com Manaus (AM)

Principal responsável por estimular o desenvolvimento socioeconômico em Manaus e na Amazônia Ocidental, a Zona Franca completa 50 anos em 2017. E para celebrar o quinquenário, muita saúde e qualidade de vida vão estar presentes no próximo sábado, dia 18, na 5ª edição da corrida Ruy Lins. A largada e chegada ocorrem em frente à sede da Suframa, localizada na BR 319, Km 5, Distrito Industrial. 

Programada para iniciar às 17h, a corrida que leva o nome do ex-superintendente responsável pela expansão do Distrito Industrial e ampliação da autarquia nos demais Estados da Amazônia Ocidental, deverá reunir mais de 3 mil participantes nas disputas de 3km e 6km.

"A corrida tem o objetivo de congregar os servidores da Suframa, os parceiros e a população. Em 2017, a Zona Franca comemora seus 50 anos e a corrida faz parte da programação de comemoração. Esperamos a participação de mais de 3 mil pessoas entre corredores e público”, declarou o presidente da Comissão organizadora da corrida, Frederico Aguiar.

O conceito de saúde e bem-estar proposto pela corrida também ganhou uma causa nobre. Os participantes que realizaram as inscrições terão que doar 1kg de leite em pó. A entrega ocorrerá no ato da retirada do kit do atleta, nesta terça-feira, dia 14, e quarta-feira, dia 15, na sede da entidade.  A Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel) apoia o evento.

“No ato do recebimento do kit, o inscrito deverá entregar um quilo de leite que será doado para as instituições filantrópicas. Nosso objetivo é comemorar os 50 anos da Suframa ajudando instituições como a Casa da Criança e o Abrigo Monte Salém", contou a coordenadora do evento, Jaíze Alencar, ressaltando a premiação dos competidores.

“A corrida é filantrópica e não cobramos valores nas inscrições. Além de medalhas para quem ultrapassar a linha de chegada, todos os participantes vão concorrer a brindes e prêmios”, concluiu.

*Com informações da assessoria de comunicação

Publicidade
Publicidade