Publicidade
Esportes
Craque

Adeus com honra: Iranduba se despede do Brasileiro feminino contra as meninas do Santos

Eliminadas da competição, meninas do Hulk encaram as “Sereias da Vila” às 18h, desta quarta-feira (23), na Colina. Missão do time comandado por Olavo Dantas é mostrar evolução no futebol feminino no Amazonas 23/09/2015 às 14:54
Show 1
Iranduba encerra campanha no Brasileirão contra o Santos.
Denir Simplício Manaus (AM)

“Não vamos baixar a cabeça e vamos continuar trabalhando”. A frase é do treinador da equipe feminina do Iranduba, Olavo Dantas, que mesmo eliminado do Brasileirão quer encerrar a participação do Alviverde com boa atuação contra o time do Santos, nesta quarta-feira (23), no estádio da Colina.

“Quando começamos esse trabalho no Iranduda há quatro anos, nós tínhamos muito menos possibilidades. Não conseguíamos enxergar nada lá na frente, só uma Copa do Brasil e um Estadual, que era uma seletiva de duas semanas”, comenta Dantas, salientando a evolução do futebol entre as mulheres no Amazonas.

“Hoje nós conseguimos enxergar um calendário mais preenchido. Nós queremos evoluir e crescer e a gente também não pode determinar um trabalho em cima de dois ou três resultados”, avaliou o treinador, apontando que a participação no Brasileiro foi importante para o futuro da categoria no Estado.


“Se realmente tivermos alguma pretensão em se tornar uma equipe forte a nível nacional, agora nós começamos a bater de frente com essas equipes de ponta do Brasil, que são referência. São equipes que estão no topo na questão da performance”, analisou Olavo Dantas, confirmando que continuará na luta com o Iranduba.

“Nos cabe agora, depois de fazer uma análise da nossa participação, continuar trabalhando”, disse o treinador, que está a frente do Iranduba desde 2011.

Temperatura não conta

Segundo Olavo Dantas, o fator calor não deve favorecer o Iranduba na partida desta quarta-feira, na Colina. “Contra a Ferroviária nós tínhamos a expectativa de ter o benefício em relação ao clima. Mesmo o jogo de hoje sendo duas horas mais cedo, não vejo que teremos vantagem no jogo”, avaliou o treinador.

Dantas analisou que o adversário, por ter mais tempo de preparação, terá melhor condicionamento físico durante a partida de logo mais. “O Santos venceu esse final de semana a Ferroviária. Elas estão bem preparadas. Então acho que esse fator (calor) não vai nos beneficiar”, finalizou.


O Iranduba tem apenas um ponto no Grupo 1, e está na quarta posição na chave, uma colocação acima das paraenses do Pinheirense, por conta do saldo de gols. O time do Pará tem saldo negativo de 14 gols e a equipe amazonense possui menos 9 gols de saldo. Portanto, a missão das meninas do Hulk é evitar uma goleada frente às Sereias da Vila.

A partida tem início às 18h desta quarta, no estádio Ismael Benigno, a Colina.   


Publicidade
Publicidade