Publicidade
Esportes
Rolão de volta?

Águia é denunciado por uso de jogador irregular e Fast pode voltar à Copa Verde

O time paraense enfrentou o Tricolor de Aço na pré-Copa Verde e escalou atleta indevidamente; a denúncia foi feita pela própria Confederação Brasileira de Futebol (CBF) 14/03/2016 às 17:13
Show img 3782
Garotos do Tricolor podem ganhar nova chance caso o Águia seja excluído do torneio.
Denir Simplício Manaus (AM)

O Águia de Marabá, que jogou a pré-Copa Verde contra o Fast Clube pode ser eliminado da competição por uso de jogador irregular. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) recebeu a denúncia por meio da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O julgamentodo caso está marcado para o próximo dia 16 de março, na sede do STJD, no Rio de Janeiro.

O clube paraense foi denunciado por uso de jogador em condição irregular. Trata-se do lateral-esquerdo Léo Rosa, que foi expulso em partida contra o Goiás ainda pela Copa do Brasii, em 2015.

O jogador deveria cumprir a suspensão em partida organizada também pela CBF, assim com é a Copa Verde.

O que diz a FAF

De acordo com o diretor de competições da Federação Amazonense de Futebol (FAF), Ivan Guimarães existe a possibilidade real de o Fast Clube retornar à competição depois da denuncia feita pela CBF.

"O regulamento geral de competições prevê a eliminação do time em competição de caráter eliminatório, como é o caso da Copa Verde. Quando é uma competição de pontos corridos, o time perde os pontos disputados”, explica Ivan Guimarães.

“A CBF não pode eliminar o time. A denúncia partiu da CBF, mas o tribunal vai verificar e julgar o caso. Se o time for eliminado, o Fast Clube se classifica no lugar do Águia. Isso é o que diz o regulamento, mas a decisão é do tribunal”, finaliza Guimarães.  

O que diz o Fast

O técnico do Fast, Darlan Borges, que no momento prepara o Tricolor de Aço para a disputa do Campeonato Amazonense Sub-20, preferiu adotar um tom de cautela. Borges, porém, avisou que o time está pronto para retornar à competição.

“Fomos pegos de surpresa com essa informação. Começaram falar sobre isso ainda na quinta-feira. Quando foi hoje fomos comunicados oficialmente pela CBF. Vamos ver se tem esse jogo (Fast x Paysandu) ou se o tribunal decide passar o Paysandu de fase. Mas se o jogo acontecer, o Fast Clube está pronto. Claro que se a diretoria quiser trazer reforços vai ser bom, mas o elenco está pronto, inclusive com a volta do Jackie Chan, que não jogou a partida de volta contra o Águia de Marabá”, disse o técnico do tricolor.

Promoção

O vice-presidente do Fast Clube, Cláudio Nobre disse que também vai aguardar o desenrolar do julgamento do caso no STJD.

Nobre pensa em fazer uma grande promoção com o retorno do Rolo

“É esperar o julgamento. O Regulamento Geral de Competições prevê a eliminação do Águia de Marabá. Existe uma tese em Belém de que o jogador teria cumprido esta suspensão em uma transferência para um time do Matogrosso. Acho difícil, quem fez esta denúncia, no caso o departamento técnico (da CBF) não estar bem fundamentado”, comentou Nobre. “Estamos aqui a cavalheiro esperando uma definição. Se acontecer (de o Fast voltar à Copa Verde) vamos fazer uma grande promoção para o jogo contra o Paysandu”, disse cartola.

 

 

 

 

Publicidade
Publicidade