Quinta-feira, 25 de Abril de 2019
publicidade
alemao.jpg
O treinador já comanda o primeiro treino na manhã desta sexta (7) (Foto; Arquivo AC)
publicidade
publicidade

Rio Negro de técnico novo

Alemão chega para comandar Rio Negro ás vésperas do Rio-Nal

Ex- volante da Seleção Brasileira na Copa de 90, na Itália, Alemão é o novo comandante do Rio Negro para a sequência do Barezão


07/04/2017 às 05:00

O Galo da Praça da Saudade está de técnico novo. Após anunciar a demissão de Aderbal Lana na noite de quarta-feira, o Rio Negro já apresentou, no dia seguinte um técnico novo. Trata-se de Ricardo Rogério de Brito, o Alemão, ex-volante da Seleção Brasileira e do Botafogo. O novo treinador desembarcou em Manaus na tarde de ontem e hoje já comanda o primeiro treino do Rio Negro.

A mudança acontece às vésperas do clássico Rio-Nal deste sábado, às 19h, no estádio Carlos Zamith. Esta é a segunda passagem de Alemão pelo futebol amazonense. A primeira foi no ano de 2010 justamente no maior rival do Rio Negro. No Leão, o treinador ficou quatro meses e disse que tirou lições e promete que não cometerá os mesmos erros do trabalho anterior.

“Aquela experiência foi legal. Tivemos algumas experiências para aprender e passamos por alguns problemas devido ao clima. Coisas que se aprende na primeira experiência para não se repetir mais. Uma das coisas que ficou marcado foram os excessos que tivemos de treinamento e devido ao calor os atletas se desgastavam. E procurar melhorar a qualidade do treinamento, cuidar bem dos atletas pra que eles tenham energia para trabalhar”, explicou.

publicidade

Diferente da primeira passagem, quando assumiu um time em pré-temporada, o técnico já pega o “bonde andando”. Em terceiro lugar no Barezão com oito pontos, o Rio Negro empatou as últimas duas partidas que disputou. Mas pegar um time montado, segundo Alemão não será problema.

“Facilita bastante. Eles fizeram uma pré-temporada de 30 dias. É um bom grupo experiente mesclando com vários jovens e isso vai ajudar bastante”, disse o comandante, que frisou que para o clássico não irá mudar a configuração do time, mas irá observar a maneira de jogar do time. “É lógico que não vai dar pra mexer muito no time. Vou mudar alguma coisa ou outra, mas vou dar sequência no trabalho que estava sendo feito e aguardar para poder intervir durante a partida”. No time, Alemão vai encontrar velhos conhecidos como Delciney e Thiago Verçosa, que jogaram com ele na época de Nacional.

“Acho que a gente vai ter a oportunidade de ver o time jogando e assumir o trabalho definitivamente e tentar alcançar o nosso objetivo que é conquistar o campeonato”, declarou o treinador.


Há três anos que Alemão não treinava um time de futebol. Seu último trabalho foi no Central de Caruaru. Após a saída do time pernambucano, ele fez cursos para treinador e estágios em vários estados do Brasil e na Europa.

publicidade
publicidade
Manaus vence Fast por 2 a 0 e sai na frente na decisão do Barezão 2019
Handebol: Rio Negro Feminino vence a terceira seguida e se mantém invicto na competição
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.