Publicidade
Esportes
reta final

Algoz do Iranduba, Cresspom-DF está na semifinal da Copa do Brasil

Equipe de Brasília, que eliminou as "Guerreiras do Hulk" da competição, passou pelo Vitória-PE por 2 a 0, nesta quarta-feira (28) e encara o São José na penúltima fase do torneio 29/09/2016 às 12:59 - Atualizado em 29/09/2016 às 13:00
Show derr
Time da atacante Dany Helena está nas semifinais da Copa do Brasil de Futebol Feminino (Foto: Denir Simplício)
ACritica.com* Manaus (AM)

Audax-SP x Foz Cataratas-PR e Cresspom-DF x São José-PE são as duas semifinais da Copa do Brasil Feminina. Nesta quarta-feira (28), as equipes fizeram seus jogos de volta e confirmaram o que começou a ser escrito na última semana. O Audax, com uma vitória simples, eliminou o Flamengo, Foz Cataratas despachou o São Francisco com goleada, o Cresspom novamente derrotou o Vitória de Santo Antão  e o São José acabou com o sonho do JV Lideral. As partidas de ida da próxima fase estão marcadas para a próxima quarta-feira (5).

Depois de bater o Hulk, Cresspom-DF avança

A vitória por 1 a 0 no primeiro jogo já dava a vantagem ao Cresspom, ainda mais como visitante, mas no futebol tudo é possível e um placar simples não é garantia. Com o mando de campo, a equipe do Distrito Federal não se acomodou com o resultado em Pernambuco e fez 2 a 0 nas adversárias. Os gols foram marcados por Driely e Danyelle. Na semifinal, o Cresspom enfrenta a forte equipe do São José.

O todo poderoso São José despachou o JV Lideral

O São José também deixou o regulamento de lado e preocupou-se apenas em vencer. No primeiro jogo com o JV, um placar de 1 a 0. Qualquer vitória dava a vaga à equipe da casa, mas as jogadoras fizeram mais que isso. Uma goleada de 5 a 0 para deixar bem claro quem manda no Martins Pereira, em São José dos Campos (SP). Balançaram as redes: Alanna (2), Michele e Gislaine (2). Para chegar à final em busca do tricampeonato, o São José terá que passar pelo Cresspom.

Parecia o Palestino, mas era o Audax eliminando o Flamengo

1 a 1 no jogo de ida e nada definido. Audax e Flamengo entraram em campo com quase as mesmas chances. O gol marcado pelo Audax no Rio de Janeiro era critério de desempate, mas nem precisou. Gabriela marcou no primeiro tempo e levou o Audax à semifinal. Para chegar na decisão e brigar pelo título inédito, o time de Osasco precisará passar pelo Foz Cataratas.

Foz Cataratas não deu mole pro "Velho Chico" 

Diferentemente das outras partidas, aqui estava tudo em aberto. O primeiro jogo foi 0 a 0 e os dois times tinham todas as chances de classificação, mas quem saiu com a melhor foi o Foz, que fez com o São Francisco o que a equipe baiana tem o costume de fazer com os adversários: goleou. Marcaram para o Foz: Amanda Brandão, Beatriz (3), Verônica Riveros e Giovanna. A atacante Fabiana fez o gol de honra do São Francisco. Na semifinal as iguaçuenses jogam com o Audax.

Artilharia

Com 10 gols marcados e três de diferença para as concorrentes mais próximas, a artilharia da Copa do Brasil de Futebol Feminino continua com Chu Santos, do Audax. Apesar de não ter balançado as redes na vitória sobre o Flamengo, a atacante de Osasco ainda tem boa margem de distância e, com a classificação do Audax, pode terminar a competição como artilheira.

*Com informações da assessoria

Publicidade
Publicidade