Segunda-feira, 23 de Novembro de 2020
FUTEBOL

Amazonenses são convocadas para Seleção brasileira Sub-20

As atacantes Marília Furiel e Micaelly Brasil, além da zagueira Flávia Cardoso foram convocadas pelo técnico Jonas Urias



120825969_10224209560491238_8374431973694230860_o_AE21F4F8-E4F1-47AA-80CC-AA164DAD84C2.jpg Foto: João Normando
05/10/2020 às 19:46

Três jogadoras amazonenses foram convocadas pelo técnico Jonas Urias para a Seleção Feminina Sub-20. As atacantes Marília Furiel e Micaelly Brasil, além da zagueira Flávia Cardoso.

A convocação, anunciada ontem, é para um período de treinos na Granja Comary, em Teresópolis (RJ). O técnico Jonas Urias selecionou 26 atletas para a concentração, que acontece entre os dias 19 a 27 de outubro. As atividades visam a disputa da fase final do Campeonato Sul-Americano da categoria, prevista para novembro, na Argentina.



Esta é a primeira convocação da atacante Marília para a Seleção sub-20. Anteriormente a jogadora natural de Manaquiri, localizado a 157km de Manaus, havia sido chamada para o time sub-17 do Brasil. Desta vez, ela recebe uma oportunidade na categoria de cima.

“Eu tô feliz. Estou muito feliz mesmo por estar sendo convocada pela primeira vez para a sub-20 mesmo tendo 17 anos. Tô feliz. Vai ser uma grande experiência estar na seleção sub- 20. Pra mim é um aprendizado bem legal e espero contribuir com a equipe e com a seleção. Espero estar bem focada nos treinos para melhorar cada dia mais”, comemorou a defensora, que atua no Iranduba. Além dela, outra jogadora do Hulk: a atacante Luana também foi chamada.

Mesmo sem estar jogando desde o fim do ano passado, Flávia foi convocada pela quarta vez e se disse muito honrada de voltar à vestir o uniforme da seleção nos treinos.

“Estou muito feliz. É como se fosse a primeira vez que fui convocada. Para mim é sempre uma honra estar representando meu estado, a Seleção, o clube. É a minha segunda família”, disse a zagueira que é convocada pela quarta vez.

Força do interior

Além de Marília, as outras duas jogadoras chamadas para os treinos na seleção são oriundas do interior do estado. É o caso da zagueira Flávia Cardoso, que é de Manacapuru, a 89km de Manaus, e atualmente está sem clube. Já Micaelly Brasil, que é figurinha carimbada nas convocações para as seleções de base é natural de Autazes, distancia de 112km da capital amazonense. Atualmente, ‘Mica’ veste a camisa do Cruzeiro e disputa a Série A1 do Campeonato Brasileiro Feminino.

De acordo com o diretor de futebol do Iranduba, Lauro Tentardini, a presença de atletas dos municípios amazonenses se deve à formação de atletas misturando o lazer com projetos de base, que são pouco conhecidos em Manaus.

“A Flávia ela nasce num projeto que é muito bem desenvolvido aqui no Amazonas, que eu lamento que não tenha tanta visibilidade e tanto dinheiro que é o projeto do Fredson em Manacapuru. Esse time foi vice campeão brasileiro escolar e é uma base bem feita. Já a Marília chegou pra nós pra testes no sub-18 e foi até engraçado porque ela não ia na viagem e começou a fazer um monte de gols e acabou indo pra Seleção. Eu acredito que no interior eles desenvolvem muito de coordenação, força física. Elas jogam e não tem ruim pra eles fazerem atividades. Quando fiz o curso de Gestão de Futebol na CBF, tivemos palestra com o Antônio Gomes, que foi preparador do Ronaldo, do Roberto Carlos e ele dizia que quando se é pequeno tem que fazer tudo que é atividade e esporte como pular, correr para desenvolver a atividade motora e acredito que tenha muito disso no interior”, explicou.

Sul-Americano

Além do Brasil, as seleções da Venezuela, Colômbia e Uruguai disputarão a fase final do Sul-Americano. Os dois melhores colocados serão os representantes da Conmebol na próxima Copa do Mundo FIFA Feminina Sub-20, que será disputada na Costa Rica, em de 20 de janeiro a 6 de fevereiro de 2021.

Na primeira fase, que aconteceu no início do ano, teve as brasileiras terminando a primeira fase com 100% de aproveitamento com vitórias contra Peru (3 a 0), Paraguai (3 a 0), Uruguai (6 a 0) e Chile (2 a 0), com 14 gols marcados e nenhum sofrido. A meia Micaelly, do Cruzeiro, e a atacante Jaqueline, do São Paulo, são as artilheiras da seleção, com quatro gols cada.

CONVOCAÇÃO:

Goleiras:

Nicole Ramos - Santos F.C

Mayara - S.C Internacional

Anna Beatriz - Bahia E.C

Vitória Camile - A.A Ponte Preta

Defensoras:

Isadora - S.C Internacional

Camila - Avaí/Kindermann

Lauren - São Paulo F.C

Isabela - E.C Internacional

Bruna - E.C Internacional

Gisseli - Grêmio F.B.P.A

Flavia

Naedja - Bahia E.C

Meio-Campistas:

Miriam - São Paulo F.C

Raquel - Red Bull / Bragantino

Vitória Yaya - São Paulo F.C

Angelina - S.E Palmeiras

Maria Eduarda - Cruzeiro E.C

Ana Flávia - Atlético-MG

Larissa - São Paulo F.C

Maria Eduarda Batista - São José E.C

Atacantes:

Micaelly - Cruzeiro E.C

Jhennifer - S.C Internacional

Jaqueline - São Paulo F.C

Luana - Iranduba

Marília - Iranduba

Amanda - Santos F.C

 


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.