Publicidade
Esportes
Craque

Aniversário de um ano da Arena da Amazônia é festejado com corrida de rua

Vários corredores prestigiaram o evento, que teve como cenário o estádio amazonense que foi construído para receber a Copa do Mundo 15/03/2015 às 17:12
Show 1
Arena da Amazônia foi o cenário da prova
Acritica.com* ---

Inaugurada em 9 de Março de 2014, a Arena da Amazônia completou um ano neste mês e neste domingo (15) iniciaram as comemorações. A Arena Run, corrida de 5km realizada pelo Governo do Amazonas por meio da Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (Sejel) ,  e Endurance Sports foi a primeira delas.

Mais de mil corredores participaram do circuito de cinco quilômetros ao redor da Arena da Amazônia. A largada foi dada às 07h em uma plataforma montada no estádio amazonense, com a presença de atletas de alta performance e amadores.

O Secretário Executivo da Sejel, Ricardo Marrocos, destacou a importância da Arena da Amazônia. “Comemorar um ano da Arena, representa o investimento e o interesse do Governo em fomentar o esporte como um todo, seja futebol ou corrida pedestre, nossa Arena atrai pessoas de vários lugares do mundo, é o nosso símbolo do esporte”, afirmou Marrocos.

A prova foi disputada nos naipes masculino e feminino nas categorias individual, cadeirante e portador de deficiência visual. Para grande parte dos competidores, durou cerca de uma hora e, para todos que completaram a corrida, foi dada uma medalha de participação.

Vencedores
Quem levou o primeiro lugar no feminino foi a atleta Juliana Gusmão, 28, campeã de várias corridas de rua. Para ela a corrida teve um sabor especial. “Além de promover o esporte e ajudar a gente a treinar para provas mais longas, esta corrida celebra o aniversário do nosso estádio e sair vencedora é melhor ainda”, disse a atleta.

No masculino, Juarez Rosa Silva, 28, mostrou que está em forma e chegou em primeiro lugar. “Muito feliz em ser o primeiro campeão da Arena Run, neste estádio passaram grandes craques, e sair vencedor aqui neste esporte maravilhoso que é a corrida de rua, me deixa muito feliz”, afirma Juarez.

Campeã na categoria dos deficientes visuais, Josemara Michillis, 21, afirma que as diferenças não existem dentro da corrida “Nós temos muitas dificuldades, porém quando somos campeões, nos igualamos aos outros, somos vitoriosos também” destacou.
O jogo de volta entre Nacional e Paysandu, válido pela Copa Verde, que será realizado no dia 22 de março também será considerado como um dos eventos comemorativos do primeiro ano da Arena da Amazônia.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade