Sábado, 07 de Dezembro de 2019
Olimpíadas

Após 11 anos de espera, o bronze olímpico é do Amazonas

Passados 11 anos dos jogos de Pequim, Sandro Viana finalmente recebeu sua merecida medalha olímpica, nessa quinta-feira (31), na Suíça



sandro_viana_F4D303B5-78DA-4517-A14A-047289E3557A.JPG Foto: Christophe Moratal/COI
01/11/2019 às 18:58

As Olimpíadas de Pequim já se encerraram há 11 anos, porém algumas pendências dos jogos estavam no ar até hoje. Isso porque quatro brasileiros do atletismo, incluindo o amazonense Sandro Viana, que fizeram parte do revezamento 4x100 masculino, receberam apenas ontem (31) a medalha de bronze no Museu Olímpico de Lausanne, em Genebra.Toda a imensa demora foi originada a partir de uma suspeita de doping sobre um integrante da equipe jamaicana, que havia até então ficado no terceiro lugar. O atleta Nesta Carter foi submetido a exames e a dopagem foi comprovada.  Portanto, os “brazucas” herdaram o lugar no pódio. 

Quando se fala de atletismo manauara é impossível não lembrar de Sandro Viana. Referência na modalidade, o atleta acumula diversos resultados expressivos em competições do mais alto nível de exigência, agora ele acrescenta a "cereja do bolo" em sua carreira.  O amazonense que está tão acostumado a velocidade, dessa vez teve de ser extremamente paciente. 



"Já era um atleta muito satisfeito, muito realizado com o quarto lugar. E quando veio essa notícia, tudo mudou na minha vida. Veio uma explosão de emoções onde passado, presente e futuro acabaram se misturando", disse Sandro Viana, o único atleta baré a conquistar medalha na modalidade.

Os feitos de Sandro certamente serão lembrados durante muitos anos, ele acumula as seguintes conquistas em competições internacionais: ouro no Pan do Rio 2007 e em Guadalajara 2011 / bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008 e participação em Londres 2012.

"Tudo que eu fiz foi me dedicar ao esporte nos últimos 20 anos. Quando saí de Manaus, vendi tudo para me tornar um atleta. Só pensava em fazer o meu melhor todos dias até chegar aos Jogos Olímpicos. Quando tive contato com o universo olímpico, minha vida mudou. De lá pra cá, a única coisa que eu fiz foi cultivar o esporte olímpico da melhor maneira possível", declarou o ídolo baré. 

 

 

News whatsapp image 2019 06 21 at 16.12.51 7cbfadd4 8d2b 47cf a09e 336b83276e71
Repórter de A CRÍTICA

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.