Publicidade
Esportes
Futuro incerto

Após bela campanha no Estadual feminino, Olavo Dantas deve deixar o Gavião

Treinador do Manaus FC anunciou logo após a final do Barezão das Mulheres que deixa o clube; diretoria do Gavião afirma que continuará investindo na modalidade 11/09/2016 às 15:58 - Atualizado em 13/09/2016 às 17:42
Show 14289934 1183511235047311 1380898656873825031 o
Olavo Dantas confirmou que seu último dia no comando técnico do Gavião foi na final contra o Iranduba (Foto: Antônio Assis/FAF)
Denir Simplício Manaus (AM)

Um curto, mas proveitoso ciclo. Assim podemos taxar a passagem do técnico Ovalo Dantas a frente do Manaus FC. O treinador mais vencedor no futebol feminino do Amazonas anunciou sua saída do Gavião do Norte logo após a final do Estadual da modalidade, neste sábado (10), no estádio da Colina. Campeão com São Raimundo e Iranduba, Dantas confirmou que sua última partida no comando da recém-criada equipe feminina do Verdão da Capítal aconteceu diante do Iranduba.

"O meu último dia no Manaus é hoje, agora é com o Manaus! A minha parte do acordo com a Patrícia (Serudo, presidente do clube) eu fiz. O meu acordo com o Manaus se encerra hoje. Se vai continuar comigo ou não já é uma outra situação", disse o treinador revelando certa insatisfação. "Acho até difícil continuar... porque foram acertadas algumas coisas e até agora não foram honradas", pontuou Dantas.

Elogios e mais trabalho

Olavo Dantas parabenizou suas comandadas e elogiou sua ex-equipe afirmando que o título ficou em boas mãos. "Não posso deixar de parabenizar as meninas (time do Manaus). Elas se entregaram, a gente tem de entender que o Iranduba está a frente da gente em todos os aspectos: físico, técnico e tático. Elas estão com mais tempo de trabalho e com mais estrutura pra trabalhar", disse o técnico apontando algumas falhas dentro do Manaus FC.

Equipe montada pelo Manaus chegou ao vice em sua estreia no Barezão Feminino (Foto: ManausFC)

"Nós passamos por muitas situações complicadas dentro do Manaus, mas espero que seja um início de trabalho. Ou com minha pessoa ou com outra que venha, mas que faça um trabalho duradouro dentro do Manaus. Agora tem de ser um trabalho que seja profissional. Trabalho pela metade não adianta", disse o técnico que teve pouco tempo para montar a equipe do Manaus FC e mesmo assim conseguiu levar o Gavião do Norte ao vice-campeonato logo em sua primeira participação no torneio. 

Diretoria confirma Gavião forte em 2017

Se o discurdo do técnico Olavo Dantas é de despedida, o da presidente do Manaus FC, Patrícia Serudo, é de promessas. Contente, mas nem tanto com o vice-campeonato, a mandatária confirmou que o clube deve investir ainda mais no futebol feminino na próxima temporada. 

"Acredito que esse é apenas o início de um trabalho. Ainda temos muito o que conquistar. Considero a campanha ótima - não fico satisfeita com o vice-campeonato -, mas fico satisfeita com o trabalho que as meninas desenvolveram durante toda a temporada. Fiquei muito feliz com a forma como nós disputamos o Estadual. Nós trouxemos equilíbrio ao Campeonato Amazonense Feminino de Futebol, coisa que nós não víamos há anos", disse Serudo confirmando que o Gavião deve vir forte em 2017. 

Patrícia Serudo confirmou que Manaus FC deve vir mais forte em 2017 (Foto: ManausFC)

"Nós pretendemos investir mais nessa modalidade e acredito que pro ano que vem o Manaus vem mais forte do que esteve esse ano. Pretendemos continuar, nos reforçar, nos estruturar e dar mais atenção ao futebol feminino no Amazonas", pontuou a presidente afirmando que deve manter o departamento de futebol feminino em 2016.

"Como não temos calendário, mais competições, vamos nos reunir com os diretores e comissão pra ver o que podemos fazer pra dar continuidade ao trabalho. Para não parar, não estagnar, e mantermos o ritmo e o trabalho e assim ficarmos mais fortes no ano que vem", revelou Patty Serudo confirmando que a partir desta semana será decidido o futuro da equipe feminina do Manaus FC. 

"Estávamos focados apenas na final. Não conversamos nada sobre o futuro ainda. A partir de agora é que vamos sentar e falar sobre o futuro", concluiu a dirigente. 

 

Publicidade
Publicidade