Quarta-feira, 19 de Junho de 2019
Craque

Após derrota para o Manaus em sua estreia, Sérgio Duarte dá o troco e exalta 'vibração'

Há quase dois meses, o técnico Sérgio Duarte estreava no comando do Iranduba em derrota por 3 a 1 para o Manaus FC. Na revanche, foi diferente: 2 a 1 para o Iranduba, agora empatada com o Gavião na tabela



1.jpg Ao seu estilo Sérgio Duarte vai ajustando a equipe
03/05/2015 às 22:06

Há quase dois meses, o técnico Sérgio Duarte estreava no comando do Iranduba após pedir demissão do Rio Negro em derrota por 3 a 1 para o Manaus FC, mesmo adversário do Hulk neste domingo (3). O resultado desta vez foi diferente: 2 a 1 para o Iranduba, que teve maior efetividade nas finalizações e conquistou a quarta vitória no campeonato.

Se no primeiro encontro dos ‘verdões’, Duarte elogiou a equipe, mas pediu mais concentração, dessa vez o jogador não teve o que reclamar dos jogadores, que não descansaram até abrirem dois gols de vantagem no fim da partida, embora tenham sofrido o empate logo depois. O treinador do Hulk analisou a partida.

“Partida boa, partida equilibrada, evidente que Iranduba foi superior, sentiu mais no aspecto físico porque teve um jogo muito puxado com o Nacional na quinta. Tivemos retorno de alguns titulares, hoje perdemos mais dois (Pastor e Ney)”, disse Duarte, lamentando a perda de dois jogadores mas exaltando a vontade do time na partida.

“O grupo teve vontade. Queria eles com um pouquinho mais de vibração, um pouquinho mais de capacidade de sofrimento, porque só dessa forma poderíamos superar os adversários”, disse o técnico, que agora se prepara para enfrentar o Nacional Borbense, em Borba, na próxima quarta-feira, pela 14ª rodada.


Receba Novidades


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.