Publicidade
Esportes
Só agora

Após eliminação e disputa judicial, Manaus é oficializado campeão amazonense sub-20

Em junho, o time foi punido com a exclusão da competição após a escalação de um jogador irregular 31/10/2016 às 18:27
Show show jdiedd
Inicialmente classificado para a semifinal, o Manaus sequer chegou a disputar a fase de mata-mata da competição. (Foto: Denir Simplício)
Valter Cardoso Manaus-AM

Quase cinco meses após o Fast Clube erguer a taça do Campeonato Amazonense Sub-20, o Manaus FC foi declarado oficialmente como campeão da competição. A reviravolta acontece por conta de uma batalha judicial, que teve início com a eliminação do Manaus do campeonato.

Em junho, o Gavião foi punido com a exclusão do campeonato, no qual havia se classificado para a semifinal, após a decisão do TJD pela escalação de um jogador irregular no torneio. O time recorreu ao Superior Tribunal de Justiça desportiva e diminuiu a pena imposta inicialmente, com a perda de apenas seis pontos o Manaus se manteria classificado para a disputa da fase de mata-mata

A disputa com os três times restantes do campeonato aconteceria para definir o novo campeão, mas todos desistiram de retomar a competição e o Manaus se tornou o campeão. O motivo do desinteresse dos outros clubes é que, independente do vencedor, o time amazonense que disputará a Copa São Paulo de Futebol Juniores não poderia ser alterado, portanto o Fast segue com a vaga no torneio Nacional.

“Em face do prazo ter esgotado no dia 20/09/2016, quando ainda não se tinha as respostas dos clubes classificados para a disputa da 3ª fase, foi indicado o campeão do ano de 2015”,  explica a nota oficial da Federação Amazonense de Futebol sobre o caso.

Publicidade
Publicidade