Publicidade
Esportes
BRIGA PELO ACESSO

Após empate no jogo da ida, Holanda e CDC decidem quem sobe no Barezão

Por ter fechado a primeira fase na primeira colocação, o CDC tem a vantagem do empate; para o Holanda, só a vitória interessa no duelo que acontece neste domingo (10), às 16h, no Estádio Ismael Benigno 10/12/2017 às 14:35
Show cdc
Erros cometidos no último jogo foram corrigidos durante o treino do CDC e o elenco se diz preparado para a partida. Foto: Winnetou Almeida
Camila Leonel Manaus (AM)

Holanda e CDC Manicoré se enfrentam no Estádio Ismael Benigno às 16h para decidir quem vai para a final da Série B do Barezão. O classificado também assegura vaga para a Série A do ano que vem.
 Na primeira partida, empate em 1 a 1. Thyago Brandão abriu o placar para o CDC, mas o Holanda empatou. Por ter fechado a primeira fase na primeira colocação, o CDC tem a vantagem do empate. Já para o Holanda, só a vitória interessa.

“É como se fosse uma final, quem ganhar sobe para primeiro divisão e esse é o objetivo de todos. Temos conversado sobre a importância e o futuro da equipe e passando também tranquilidade”, disse o treinador do Laranjão, Alberto, que usou a semana para trabalhar na falhas, algo que pode comprometer o sonho do acesso.

“O grupo está motivado, pois se trata de uma decisão. Na verdade nossa equipe vem crescendo dentro do campeonato, essa nossa última partida tivemos alguns problemas que estamos corrigido para que não se repita mais”, completou.

Um dos jogadores que está bem ciente da importância da partida é o experiente Marinho, que conduziu o Holanda ao acesso no início do ano, foi rebaixado junto com a equipe no Barezão deste ano e agora tenta voltar para a primeira divisão.

“O acesso vai acontecer dependendo do que fizermos durante os 90 minutos do domingo. O grupo está motivado, pois se trata de uma decisão, para isso estamos trabalhando muito”, disse o atacante do Holanda.

Correções

Do lado do CDC, a semana também foi de correção de erros. Além dos treinos táticos e de correção, o zagueiro, e autor do gol, Thyago Brandão disse que a equipe está encarando a partida como uma batalha.

“Será outra batalha. Quem errar menos, terá o acesso e consequentemente, a vaga na final”, disse o jogador que acredita que uma das principais falhas do CDC na última partida foi não aproveitar as chances criadas.

“Esperávamos um jogo difícil, como realmente foi, e estávamos preparados para isso. Mas criamos bastante, só não concluímos com gols”, avaliou

Publicidade
Publicidade