Publicidade
Esportes
Craque

Após gol “Sai, inhaca!”, Felipe mira semifinais do Barezão e quer título com o Fast Clube

O atacante de ofício ainda não havia balançado as redes no Campeonato Amazonense e “desencantou” na goleada diante do Rio Negro. Meta agora é tirar o Rolo Compressor da “fila” no Barezão 25/05/2015 às 10:41
Show 1
"Sai, inhaca!". Felipe marcou seu primeiro gol no Barezão com a camisa do Fast Clube.
Denir Simplício Manaus (AM)

Atacante vive de gols. A máxima é antiga e é cantada em verso e prosa pelos jogadores de ataque. E Felipe, do Fast Clube, finalmente desencantou ao marcar seu primeiro tento na goleada sobre o Rio Negro neste domingo (24), no estádio Carlos Zamith. O gol “Sai, inhaca!” marcou o fim do jejum do artilheiro, que de todos os homens de frente do Rolo Compressor, era o único que ainda não havia balançado as redes do Barezão 2015.

“Só Deus sabe o que vinha passando. Todos os atacantes tinham feito gol e eu sabia do meu potencial, sabia que uma hora ia sair (o gol)”, desabafou Felipe, lembrando que se sentia desconfortável por não ter marcado ainda e que, durante o período de “seca” de gols, contou com o apoio de todos no clube.


“Falar que isso (jejum de gols) não estava me incomodando é mentira. Mas eu vinha trabalhando bem. Meus companheiros vinham me dando força, meu treinador e a direção vinham me dando força e o gol veio num momento importante”, revelou o atacante, que marcou o quinto gol no massacre do “Rolão da Massa” sobre o Galo da Praça da Saudade.

Incentivo para as semis

De todos os seis atacantes no elenco fastiano, Felipe era o único que ainda não havia marcado. Segundo o artilheiro, o gol veio no momento certo e serve de incentivo para as semifinais do Estadual, e também pra ajudar o grupo, que mira a conquista do Amazonense depois de mais de quatro décadas na fila.

“Esse gol veio me dar confiança na reta final e eu quero ajudar. Nós estamos aí pra ajudar e, se Deus quiser, que eu faça mais gols nas semifinais pra gente sair campeão”, disse o jogador.

Felipe também lembrou das semifinais contra o Princesa do Solimões e afirmou que, mesmo com a vantagem conseguida, a equipe vai jogar pela vitória nos dois confrontos. “Nós vamos com a vantagem do empate, mas nós não podemos nos acomodar com isso. Por isso nós temos de buscar a vitória de qualquer jeito pra gente ser campeão e tirar o Fast dessa sequência de vices”, disse o jogador que atuou com a camisa 10 do duelo com o Rio Negro.


O primeiro confronto das semifinais entre Princesa do Solimões e Fast Clube ocorre no próximo sábado (30), no estádio da Colina, na Zona Oeste de Manaus. Como terminou a primeira fase do Barezão na segunda posição, o Tricolor de Aço joga com a vantagem de dois empates. A segunda partida está previamente marcada para o dia 6 de junho no mesmo local.


Publicidade
Publicidade