Publicidade
Esportes
Craque

Após poupar titulares em Manaus, Flamengo vai com time completo pra cima da Chapecoense

Ao contrário da decisão de trazer o elenco reserva pra Manaus, Luxemburgo não poupará ninguém no domingo (2). O Rubro Negro precisa de seis pontos em sete partidas para fugir de vez do rebaixamento no Brasileirão 31/10/2014 às 16:01
Show 1
O Flamengo vai com o time titular pra cima da Chapecoense, apenas Everton não entrará em campo por contusão.
ACRITICA.COM Manaus (AM)

Muito torcedor que tomou chuva na ânsia de comprar ingressos para ver o Flamengo jogar em Manaus, chiou quando soube que o treinador Vanderlei Luxemburgo traria o time reserva pra pegar o Botafogo na Arena da Amazônia. Acontece que a tática de poupar a equipe titular para disputar a Copa do Brasil deu certo. Agora o Rubro Negro vai com força máxima pra espantar o “fantasma” da Série B e não “morrer” no Dia de Finados.

Flamengo e Chapecoense duelam no domingo (2) em pleno feriado do Dia dos Mortos, e pensando em manter-se vivo na elite do futebol brasileiro, o comandante Luxemburgo deve escalar o mesmo time que bateu o Atlético-MG, no Maracanã, na quarta-feira (29). A única ausência confirmada até o momento é a do atacante Everton, que sentiu contusão na coxa e ficará de fora da partida contra os catarinenses.

No último sábado (25), Luxa (como é conhecido) recebeu muitas críticas por parte da torcida manauara por poupar parte do time na derrota contra o Botafogo, pensando na primeira partida da semifinal da Copa do Brasil. No entanto, passado o duelo contra os mineiros, o treinador do Flamengo pretende cumprir sua principal meta na temporada: vencer duas das últimas sete partidas do Brasileirão para se livrar totalmente da "confusão".


“Já dei a folga que tinha que dar. Agora é trabalho. Vamos focar. Temos uma Copa do Brasil que se apresentou para nós, mas não abro mão da nossa prioridade, que é manter o Flamengo na Primeira Divisão. Precisamos ganhar dois jogos de sete para chegarmos à meta”, explicou Luxemburgo. 

De acordo com os matemáticos, o Rubro Negro tem apenas 1% de chance de ser rebaixado e Luxemburgo está pensando em zerar este percentual. Por isso a decisão de não poupar o time titular, mesmo correndo riscos de perder algum jogador por lesão para a partida de volta da semifinal da Copa do Brasil. Agora, resta aguardar para ver se este planejamento continuará dando certo.

Publicidade
Publicidade