Publicidade
Esportes
NOVA CHANCE

Após saída conturbada do Fast, Tiago Versoça fecha com Rio Negro

Com a camisa do Rolo Compressor, Tiago Verçosa fez apenas uma partida oficial antes da saída da equipe. 16/03/2017 às 05:00
Show  asl0677
Pelo Fast, Tiago Verçosa ficou em campo em apenas 24 minutos de uma partida, antes de ser substituído por João Carlos Cavalo. (Foto: Antônio Lima)
Valter Cardoso Manaus-AM

A poucos dias da estreia do Rio Negro no Campeonato Amazonense, o time continua se reforçando. Após iniciar a fase de contratações depois da maioria dos clubes da primeira divisão o time tem movimentado o mercado. Um dos últimos atletas a desembarcar na Praça da Saudade foi o atacante  Thiago Verçosa.

O jogador que disputou o último Campeonato Amazonense pelo Nacional, havia sido contratado pelo Fast Clube em dezembro do ano passado e em março deste ano foi dispensado do Rolo Compressor em meio a uma polêmica envolvendo o treinador da equipe, João Carlos Cavalo. O atacante nem teve tempo de ficar desempregado e foi procurado rapidamente pela diretoria do Galo. “Assim que souberam da minha saída do Fast, entraram em contato comigo me fazendo o convite. Eu aceitei e fui bem recebido aqui, já treinei e conheço alguns (atletas). É um elenco muito bom, de qualidade”, analisou Verçosa. 

O jogador chegou com o aval do treinador Aderbal Lana, que já havia comandado o atacante no Nacional. 
“Ele é um jogador amazonense, um jogador que já trabalhou comigo, é um garoto de boa educação, sempre se comportou muito bem e não é justo deixar um jogador como ele em uma situação sem clube, em uma capital que não tem clube em divisão nenhuma”, comentou o treinador. 

Estreia

A primeira partida de Thiago com a camisa do Rio Negro deve ser no próximo sábado, diante do São Raimundo, em confronto válido Barezão. “O professor ainda está montando o  time para a estréia. Então eu acho que o Rio Negro tá no caminho certo o e aos poucos tá montando o time para fazer uma boa estreia no Amazonense”, analisou ele, que descartou o favoritismo diante do Tufão, que tem maior parte do elenco formada por jogadores de Fonte Boa, no interior do Estado.
“Essa história de falar que o adversário está fraco fica fora de campo, sabemos que no jogo é diferente. Valendo três pontos todo mundo vai querer ganhar, estamos esperando um jogo bastante difícil, mas quem pode fazer o jogo ficar fácil somos nós mesmos. Esperamos um jogo difícil, mas que possamos fazer uma boa estreia e sair com a vitória”, finalizou ele. 
 

Publicidade
Publicidade