Segunda-feira, 09 de Dezembro de 2019
Craque

Aqui, não! Werdum revela que McGregor tentou preparação na Kings antes da luta com Aldo

A declaração foi feita horas antes da luta do último sábado (12). O campeão chegou a brincar que seria perigoso o irlandês, pois haveria o risco dele ser "quebrado todinho"



1.jpg Conor McGregor chegou a entrar em contato com a academia de Rafael dos Anjos, mas foi barrado
15/12/2015 às 14:56

O lutador Fabrício Werdum declarou em um “media Day”, na semana passada, que o irlandês Conor McGregor procurou a academia Kings MMA, na Califórnia, durante o período de preparação da luta contra José Aldo.

Porém a academia é liderada por um brasileiro, Rafael Cordeiro, e que na hora que a academia foi procurada pelo campeão dos peso-pena, a amizade ao também brasileiro, José Aldo, falou mais alto.



"O Conor McGregor queria ir lá treinar com nós. Não tinha possibilidade. Imagina a gente ficar contra o José Aldo, que é nosso amigo?! Estamos 100% com o Aldo, a Kings MMA inteira. Teve um momento que chegaram lá: "Pô, o Conor quer treinar com vocês". Mas o cara ficou no "tu, tu, tu" , sem resposta. Foi o empresário dele que foi lá e pediu para o Rafael, e o mestre já fechou (a porta) na hora. Não tem possibilidade de treinar conosco aqui. E se viesse, se treinasse uns dias com a gente, era certo, 100%, que ele não iria poder lutar. Seria perigoso porque a gente quebraria ele todinho”, declarou o campeão dos pesados.

Conor Mcgregor realizou a maior parte da sua preparação na Irlanda e viajou para os Estados Unidos duas semanas antes. O lutador passou alguns dias em Los Angeles

Apesar de não conseguir realizar a preparação na King, McGregor, que passou duas semanas em preparação antes da luta, entrou afiado o octógono na noite do dia 12 de dezembro e nocauteou José Aldo com apenas 13 segundos de luta.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.