Publicidade
Esportes
Craque

Atacante que recebeu implante de joelho de um cadáver pode retornar ao Vasco em 2015

O jogador Éder Luís passou por cirurgia curiosa e “ganhou” um menisco de um morto para não encerrar a carreira prematuramente. Emprestado ao Al-Nasr, o atleta terá longo período de recuperação e não descarta o retorno ao Cruzmatino no ano que vem 26/11/2014 às 11:56
Show 1
O atacante Éder Luis recebeu implante de menisco de um morto para retornar ao futebol.
ACRITICA.COM Manaus (AM)

Reutilizar órgãos de pessoas mortas já é uma prática comum na medicina moderna, mas aproveitar o pedaço da perna de um morto soa um tanto estranho. É justamente isso que promete salvar a carreira do atacante Éder Luis: o jogador fez um implante de menisco proveniente de um cadáver para reabilitar o joelho debilitado. Com contrato com o Vasco até o ano de 2016, o atacante pode retornar ao clube já na próxima temporada.

Jogadas de velocidade pelas pontas, dribles curtos e arrancadas espetaculares são as características do atacante, que ainda acumula passagens por Atlético-MG e São Paulo. Emprestado pelo Vasco da Gama ao Al-Nasr desde 2013, o jogador se recupera de uma cirurgia curiosa. Para resolver o problema no joelho que o perseguia e continuar “voando” em campo, o atleta recebeu implante de menisco de um morto.

O doador, que não teve o nome revelado por sigilo médico, pode ser a salvação do jogador de 29 anos, que se diz muito feliz com o resultado da cirurgia. “Eu coloquei o menisco pra restituir porque praticamente não tinha. Aí coloquei o menisco de cadáver pra não ficar batendo osso com osso. Pra mim foi novidade, mas já ouvi falar que no Brasil tem médicos que usam essa técnica", falou o jogador em entrevista ao UOL Esporte.

O atleta mineiro criou coragem para fazer o enxerto depois que um companheiro de time passou pelo mesmo procedimento e se recuperou. Com problmas no joelho desde os 18 anos, Éder foi operado por um médico italiano e passou dois meses com a perna imobilizada para que o corpo aceite o novo menisco. O atacante está se ecuperando no Rio de Janeiro e acredita que no prazo de três meses deve estar apto a voltar ao futebol.

"Optei por fazer a restauração com menisco de cadáver exatamente para ter uma carreira futura sem dor e com menisco novo, e graças a Deus tudo está normal."

Éder Luis tem vínculo com o Vasco até 2016 e seu futuro ainda está indefinido. Ele tem contrato de empréstimo até o meio do ano que vem com o Al-Nasr. Mesmo desejando permanecer no clube dos Emirados Árabes, o jogador não sabe se pelo tempo parado haverá paciência dos cartolas do time. Caso receba resposta negativa por parte dos árabes, o atacante deverá ser reintegrado ao elenco vascaíno.

"Preciso me recuperar, me dedicar a toda a recuperação para depois voltar a jogar em alto nível. Tenho que esperar a definição do meu clube, eles estão querendo que eu volte. Mas não sei como será a tolerância deles com essa situação. Se não esperarem, vai depender do Vasco se querem contar comigo ou não."

Publicidade
Publicidade