Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
SÉRIE D

Rossini pode voltar ao time titular do Manaus em partida decisiva

Após duas semanas fora do Gavião, atacante volta a figurar entre os possíveis titulares, mas treinador despista sobre a definição da escalação



rossini_B0EF5EA8-1B20-4A6F-B03D-220B8F8EC262.JPG Foto: Antônio Lima
20/06/2019 às 15:09

O atacante Rossini pode voltar a ser titular da equipe do Manaus. O jogador voltou a ganhar importância  no elenco do Gavião para o jogo da volta contra o Real Ariquemes, pelo mata-mata da Série D, após ter se desligado do clube no mês passado.  A  situação de Rossini ainda será definida pelo treinador, Welington Fajardo, que despistou a condição da titularidade do atleta na partida decisiva.

“Quem acompanha o nosso trabalho nesses quatro meses sabe que a gente tem um grupo muito forte, mesmo perdendo jogadores que machucaram, voltaram ou foram suspensos. Isso é sinal que não temos dependência de nenhum jogador e, durante a semana, a gente vai trabalhar de uma forma igual, logicamente estudando a equipe adversária”, declarou o treinador do Gavião.

Mesmo afastado dos treinamentos com o restante do elenco por  duas semanas, Rossini tem se recuperado fisicamente. No jogo de domingo ele entrou no fim da primeira partida e sofreu o pênalti que ajudou o Gavião do Norte a sair com vitória. Após a partida e durante o treinamento desta semana, foi constatado que o atacante tem boas condições físicas para o jogo da volta. Seu último jogo como titular foi no empate em 1 a 1 contra o time rondoniense no dia 25 de maio - na fase de grupos do Brasileirão da Série D. Até então, Rossini era figura constante no time titular. Mesmo sendo um dos 11 jogadores de confiança de Fajardo, isso não significa que ele volte a ser titular absoluto, já que o técnico mineiro garante que o plantel não é refém de nenhum atleta.

“Nas melhores situações que a gente possa encontrar dentro do jogo, tanto pra iniciar, quanto nas substituições durante a partida. E a gente vai tentar fazer o melhor pelo Manaus, já que foi assim desde o primeiro dia de trabalho, que culminou com o título amazonense. E também nessas partidas invictas fomos sempre trabalhando olhando para todos os atletas. E então nós não somos refém de nenhum jogador, todos tem a mesma importância, e com certeza todos aqueles que tiverem um melhor desempenho nos treinamentos irão para o jogo, porque foi assim que deu certo até agora”, finalizou Fajardo.

Seca de Gols

Apesar da titularidade antes do afastamento, Rossini está há dois meses sem balançar as redes. O último tento do jogador foi na goleada de 5 a 0 contra o Iranduba, pela semifinal do Campeonato Amazonense 2019.

A disputa agora fica acirrada no setor ofensivo, pois o jogador Mateus Oliveira vive bom momento na equipe, e segue na artilharia do Manaus com cinco gols marcados na competição nacional.

 

Receba Novidades

* campo obrigatório
Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.