Publicidade
Esportes
Guia barezão 2017

Atual campeão amazonense, o Fast vem forte em busca do bicampeonato

O Tricolor de Aço tenta repetir o feito de 1948/49 e 1970/71, quando ergueu o troféu do Barezão por dois anos consecutivos. Detentor da taça após longo jejum, o Rolo Compressor quer atropelar em 2017 13/03/2017 às 10:46 - Atualizado em 13/03/2017 às 11:27
Show 1203569
O trio Andre Luiz, Felipe e Thiago Brandão quer levar o Fast ao terceiro bicampeonato de sua história (Foto: Denir Simplício)
Denir Simplício Manaus (AM)

Todos contra o Rolão! Campeão do emblemático Barezão do Centenário, o Fast Clube vem tão forte para 2017 como foi no ano passado e promete “atropelar” os adversários, assim como fez no último Estadual, quando quebrou o tabu de 45 anos sem erguer a taça do Amazonense.

Mais organizado dentro e fora de campo, a equipe do treinador João Carlos Cavalo manteve a espinha dorsal da equipe, como o zagueiro Thiago Brandão, o volante Roberto Dinamite, o meia Robinho e o atacante Charles - que retornou ao clube esta semana.

Tricolor tenta o terceiro bi de sua história (Foto: Arquivo ACritica)

No entanto, o Tricolor perdeu metade do time que bateu o Princesa do Solimões na decisão do ano passado, na Arena. Algumas peças importantes deixaram o time como o bom goleiro Edmar Sucuri, os eficientes defensores Tiago Spice e o lateral Andresinho, além dos velozes meias Cassiano e Peninha, o motorzinho do Fast no ano passado.

Caras novas

Se o técnico João Carlos Cavalo terá de remontar o Rolo Compressor para o Barezão 2017, de uma coisa o ex-volante do Galo nos anos 1980 não pode reclamar, do dono da camisa 1.

Eleito melhor goleiro do Brasileirão da Série D de 2015, Naylson retorna ao Tricolor com a missão de fechar o gol fastiano e ajudar o Rolão na conquista do bicampeonato.

Estrategista, J.C.Cavalo tenta remontar o Fast pra 2017 (Foto: ACritica)

Quem também chegou ao Tricolor foi um velho conhecido do futebol Baré: Edinho Canutama, ex-Princesa do Solimões. Outro jogador que veio este ano e já vem se destacando com a camisa do Fast é o polivalente Raílson, que apesar de ser meio-campista, vem atuando na lateral-direita. A dupla local se junta aos meias Emerson e Rodrigo, que chegaram esta temporada.

Base forte

Conhecido nos últimos anos por ganhar praticamente tudo nas divisões de base no Amazonas, o Tricolor vai aproveitar alguns garotos no time de cima, como o lateral Velho, o zagueiro Tiago, o goleiro Guanair Jr. e o meia Werley.

Com as dispensas de Tiago Verçosa e Júnior Neymar, mais a contusão de Felipe, a diretoria do Fast deve trazer reforços para a temporada. O atacante Léo Guerreiro, 33, é um dos aguardados para fortalecer o time ainda essa semana.

Publicidade
Publicidade