Publicidade
Esportes
O ataque do Leão

Benazzi não gosta do desempenho ofensivo do Nacional e fala em mais reforços

O treinador do Nacional, Vagner Benazzi, considera que o setor ofensivo é o menos desenvolvido. 30/05/2016 às 20:05 - Atualizado em 30/05/2016 às 20:28
Show spo.es r10
Depois da chegada de Benazzi, o Nacional já contratou três atacantes. (Foto: Evandro Seixas)
Valter Cardoso Manaus-AM

Depois de um empate sem gols em um jogo sem tantas chances, o treinador Vagner Benazzi já identificou o setor mais carente do Nacional: o ataque. De acordo com o treinador, o setor ofensivo ainda não está tendo o rendimento esperado, por isso, deve ser o foco do time a partir de agora e não polpou comentários duros ao próprio time. “Não agradou. A gente sabe que o torcedor não é um idiota que vai pra campo para não ver o gol do Nacional“, falou o treinador.

Apesar disso, o treinador considera que o time, como um todo, tem apresentado evolução. De acordo com ele, o time está 85% pronto para o confronto contra o Princesa no Solimões, no próximo sábado (04). Apesar disso, novas contratações devem acontecer para fortalecer o ataque do Nacional.

“Como os três setores, setor defensivo, setor do goleiro e setor de meio campo estão encaixados a gente agora logicamente vai trabalhar o pessoal do ataque e com possível chegada de mais dois jogadores que vão melhorar essas posições que eu acho que estamos precisando”, explicou Benazzi.

WANDERLEY


No último domingo (29), o atacante Wanderley, que está afastado dos gramados por conta de uma lesão, postou uma mensagem enigmática nas redes sociais: “Minha história no futebol aos poucos está chegando ao fim” escreveu ele.


Questionado sobre o assunto, o Benazzi foi duro. “Não pode falar isso. O médico deu uma dura nele porque ele falou uma besteira dessa lá dentro. Tomou uma dura do médico, que ele falou: ‘você ta pensando que eu sou o que? Um idiota pra te tratar? Então isso aí responde a sua pergunta”, falou Benazzi, que  ressaltou que considera o atacante bom jogador e que torce para que ele não desista da carreira

Publicidade
Publicidade