Publicidade
Esportes
Craque

Boxe do Amazonas: Conhece os campeões em dez categorias

Campeonato Estadual de Boxe Olímpico Amador, realizado na noite deste sábado (13), encerrou o calendário anual da modalidade no Estado. Ao todo foram dez cinturões em disputa numa noite de muito suor, socos e campeões 14/12/2014 às 21:28
Show 1
Federação Amazonense de Pugilismo conheceu os campeões nas dez categorias olímpicas do Estado.
ACRITICA.COM Manaus (AM)

A Nobre Arte reinou soberana na noite deste sábado (13). Não teve espaço para “queixos de vidro” ou “mãos de pluma” no ringue do Ginásio Zezão, na avenida Grande Circular, no bairro São José, na zona Leste de Manaus. A Federação Amazonense de Pugilismo realizou o Campeonato Estadual de Boxe Olímpico e ergueu o braço de uma dezena de campeões nas dez categorias que foram disputadas.

A competição, que teve dez lutas em cada uma das dez categorias do boxe olímpico, teve início às 19h do sábado, com entrada gratuita. Antes dos boxeadores subirem no ringue, montado no ginásio da zona Leste, o público teve a oportunidade de curtir a apresentação do Grupo de Capoeira Raízes, do Mestre Espiga. O torneio ainda teve o apoio das secretarias municipal (Semdej) e estadual (Sejel) de esportes e patrocínio da Somaza Ltda. e do Shopping Grande Circular.

De acordo com o organizador da competição e presidente da Federação Amazonense de Pugilismo, Pedro Nunes, de 50 anos, a competição que, além de Manaus, recebeu atletas de cidades do interior, serviu para movimentar as academias de boxe e os amantes da Nobre Arte de Manaus e, principalmente, da zona Leste.

Único a conseguir nocautear seu oponente na noite, Vitor Lucas, da categoria Mosca, foi um dos três destaques da competição. Outro, que apesar do favoritismo, só venceu sua luta na contagem por pontos foi Ralison Santana, da categoria Super Pesados. O gigante Rafael Souza, que foi o desafiante, não deu moleza ao atual campeão. Otaniran Matos, representante dos Meio Médios Ligeiros, foi outro boxeador que se notabilizou na no ringue.

Logo após o término das lutas aconteceu a premiação dos lutadores e na sequência houve a confraternização dos pugilistas, que só foi finalizada às 23h.

Campeões nas dez categorias:

Carlos Daniel – Peso Mosca Ligeiro (Até 49 kg)

Vitor Lucas – Peso Mosca (Até 52 kg)

Willer Silva – Peso Galo (Até 56 kg)

Sidomar Correa – peso Leve (Até 60 kg)

Otaniran Matos – Peso Meio Médio Ligeiro (Até 64kg)

Morramad Araújo – Peso Médio (Até 69 kg)

Francisco de Assis – Peso Médio (Até 75kg)

Joa Dias – Peso Meio Pesado (Até 81 kg)

João Alves – Peso Pesado (Até 91 kg)

Ralison Santana -  Peso Super Pesado (Acima de 91 kg)

Equipes campeãs

1º lugar – Projeto Social Ring Boxe

2º lugar – Associação Novo Reino de Boxe

3º lugar – Associação Morramad Araújo de Boxe

Publicidade
Publicidade