Publicidade
Esportes
Em Manaus

Brasil faz 6 na Costa Rica em torneio de futebol feminino, na Arena da Amazônia

Com a vitória as brasileiras passam a ocupar o topo da classificação, a frente da Itália no saldo de gols. Elas voltam a campo no próximo domingo (11) quando enfrentam a Rússia, às 16h45 (horário de Manaus). 07/12/2016 às 22:23 - Atualizado em 08/12/2016 às 15:15
Valter Cardoso Manaus

A pressão da estreia na competição, pela primeira vez sob o comando de uma treinadora, parece não ter pesado para a seleção feminina. Em noite inspirada, a equipe fez 6 a 0 na Costa Rica em sua primeira partida na Copa Caixa Internacional de Seleções de Futebol Feminino.

Com a vitória as brasileiras passam a ocupar o topo da classificação, a frente da Itália no saldo de gols. Elas voltam a campo no próximo domingo (11) quando enfrentam a Rússia, às 16h45 (horário de Manaus).

O jogo
Jogando como dono da casa, o Brasil tomou a iniciativa da partida desde o começo. As principais chances saiam das jogadas de linha de fundo e em chutes de fora da área. Tanto que o primeiro gol surgiu justamente de uma finalização a distância. Aos 25 minutos, Andressinha acertou o ângulo em um belo chute.

A Costa Rica sentiu o gol e começou a dar espaços para o Brasil. Três minutos depois, Fabiana avançou e cruzou para Tamires fazer o segundo gol, de cabeça.

O Brasil continuou pressionando a equipe costa riquenha. Em outro lance de cabeça, o Brasil fez o terceiro. Gabi marcou após cruzamento de Formiga, aos 45 minutos.

No segundo tempo o ritmo foi ainda mais intenso. Logo aos 4 minutos, Gabi voltou a aparecer no jogo aéreo e marcou mais um.

Logo em seguida, a zaga da Costa Rica continuava abalada e viu Bia roubar a bola da zaga, avançar e marcar o quinto gol brasileiro.

Após belas defesas e uma bola na trave, o Brasil conseguiu ampliar ainda mais a goleada. Bia recebeu cruzamento na área e teve liberdade para dominar e finalizar no canto da goleira Diaz, aos 28 minutos.

A partir daí, o Brasil reduziu o ritmo de jogo, mas ainda inspirou os gritos de olé da torcida, antes do apito final.

Publicidade
Publicidade