Publicidade
Esportes
GILBERTÃO

Calor afasta a torcida do Princesa do Solimões do estádio

Equipe manacapuruense ainda não conseguiu levar de volta seus torcedores as arquibancadas na disputa da Série D 06/07/2016 às 08:59
Show zcr0806 003 p01
Torcida do Princesa ainda não mostrou sua força (Foto: Marcio Silva)
Thaissa Cordeiro Manaus (AM)

O líder do Grupo A2 da Série D, o Princesa do Solimões aposta na força da sua torcida para vencer a terceira partida seguida na competição nacional. O clube enfrenta, no próximo domingo (10), o São Francisco, a partir das 15h30,no Gilbertão. Com o resultado de 2 a 0 dentro de casa, o time de Zé Marco chegou a sete pontos.


O Tubarão do Norte ainda não havia conquistado uma vitória no Gilbertão. O primeiro jogo no estádio de Manacapuru terminou no empate sem gols diante do Baré, ainda pela primeira rodada. 


Álias, na estreia do time, compareceram ao estádio 1.494 torcedores. Já no segundo jogo contra o Palmas,  o número diminuiu para 972 presentes. A missão do representante amazonense na Série D é trazer seu torcedor de volta para as arquibancadas.


O diretor de futebol do clube, Rafael Maddy, atribui a falta de torcedores no estádio pelo forte calor que  vem fazendo  em Manacapuru. “Nosso maior problema é o calor, o sol está muito quente, não tem cobertura para o torcedor. Nós estamos ouvindo muito aqui e temos que dá razão para o torcedor”, destacou o diretor.


De acordo com Maddy, o ideal seria que os jogos da equipe fossem realizados a noite. “O certo seria que nossos jogos fossem a noite, mas os refletores do estádio não estão posicionados corretamente”, declarou.
Os ingressos para a partida no Gilbertão começam a ser vendidos na quinta-feira (7), no valor de R$ 10, no Café da Tuca, em Manacapuru.

Números

15 mil lugares é a capacidade máxima do Gilbertão. A casa do Princesa na Série D não teve ainda nem a metade de seus lugares ocupados. Agora líder, a situação pode mudar.

Publicidade
Publicidade