Publicidade
Esportes
Craque

Caravana da Cidadania promove torneio de futsal entre escolas da Zona Leste de Manaus

Programa da Secretaria de Segurança do Estado visa socialização em áreas com alto índice de violência na capital. A competição de futsal tem equipes de 60 escolas, com mais de mil alunos/atletas na disputa de trofeus e medalhas 25/11/2014 às 12:46
Show 1
Programa caravana da Cidadania promove torneio entre escolas da Zona Leste de Manaus.
ACRITICA.COM Manaus (AM)

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) deu início nesta segunda-feira (24), na quadra de esportes do Centro de Educação Tempo Integrado Eliza Bessa Freite (CETI), no bairro Jorge Teixeira, na Zona Leste da capital, o torneio esportivo da Caravana da Cidadania nas Escolas e Comunidades. Cerca de mil alunos, de 60 escolas municipais e estaduais da Zona Leste de Manaus, participam da competição. O torneio infanto-juvenil de futebol tem 88 times, nos naipes masculino e feminino.

O campeonato de futsal acontece de 24 a 28 de novembro, no CETI do bairro Jorge Teixeira, de 8h às 12h, e de 14 às 17h. Segundo o coordenador operacional do projeto, delegado Henrique Brasil, a atividade complementa a primeira fase da Caravana onde durante cinco meses foram realizadas palestras preventivas.

Participaram dos debates pais, alunos e professores de 60 escolas sobre diversos temas, como: tráfico de drogas, Estatuto da Criança e Adolescente (ECA), Lei Maria da Penha entre outros. “Também oferecemos o serviço de expedição da carteira de identidade primeira e segunda vias”, disse o delegado Brasil.

Na sexta-feira (28), acontece as finais da competição, tanto nos naipes masculino, como no feminino. As partidas serão conduzidas por árbitros do projeto Bom de Bola, da Secretaria Estadual de Esportes Juventude e Lazer (Sejel) e os vencedores receberão medalhas e troféus. 

O coordenador geral da Caravana da Cidadania, Francisco Sobrinho, disse que o objetivo é também incentivar as crianças e adolescentes para a prática esportiva. “Procuramos orientar e ocupar essa garotada que vive em áreas com grande índice de violência. A preocupação é grande, e prevenir é a melhor maneira”, explicou.

A atividade geral na Zona Leste vai ser encerrada no dia 5 de dezembro com um missa em ação de graças.

Publicidade
Publicidade