Publicidade
Esportes
Craque

Chuva amazônica deixa gramado do estádio da Colina um ‘charco’

Temporais que acontecem diariamente em todo Estado estão deixando o gramado do campo da Colina pesado e expondo os atletas a se machucarem com mais frequência 07/02/2013 às 11:08
Show 1
Com os treinamentos diários o campo vai ficando comprometido
A crítica Manaus

O São Raimundo está literalmente fugindo das fortes chuvas do inverno amazônico comuns nessa época do ano. O objetivo do técnico Eduardo Clara é evitar as contusões dos jogadores durante os treinamentos na reta final de preparação para a estreia no Campeonato Amazonense. É que os temporais que estão acontecendo diariamente em todo Estado estão deixando o gramado do campo da Colina pesado e expondo os atletas a se machucarem com mais frequência.

De acordo com a assessoria de imprensa do Tufão da Colina, o clube vai receber mais um reforço nos próximos dias. Trata-se do goleiro Wiliam, 21, que vem do futebol Pernambucano.

Já o zagueiro Jam, 21, que vem por empréstimo do Botafogo de Ribeirão Preto (SP), que perdeu o voo para Manaus por duas vezes, finalmente deve chegar na madrugada dessa quinta-feira e se apresentar a comissão técnica do São Raimundo.

Fora da estréia

Com uma contusão virilha esquerda, o atacante Pará, 28, está praticamente fora do jogo de estreia do São Raimundo, no dia 16, contra o Princesa do Solimões, no estádio Gilberto Mestrinho (o Gilbertão). Para recuperar o jogador o mais rápido possível, o clube contratou os serviços de uma fisioterapeuta. Já Vidinha com dores no tornozelo direito deve voltar nesta sexta-feira (07).

Publicidade
Publicidade