Quinta-feira, 18 de Julho de 2019
FUTEBOL FEMININO

Com duas viradas e pênalti perdido, Brasil estreia com derrota para o México

A Seleção Brasileira perdeu por 3 a 2 na primeira partida da Copa do Mundo Sub-20. O próximo jogo do Brasil será na quarta-feira (8) contra a Inglaterra



foto_futebol_feminino.JPG Kerolin que marcou dois gols pela Seleção Brasileira comemora com as companheiras (Foto: Reprodução Fifa)
05/08/2018 às 10:01

O Brasil estreou neste domingo (5) na Copa do Mundo Sub-20 com derrota por 3 a 2 diante do México, na França. Kerolin marcou dois gols pela Seleção Brasileira, mas as mexicanas chegaram a vitória com dois gols de Ovalle e um de Martinez. O segundo jogo do Brasil pelo Grupo B será na próxima quarta-feira (8), às 7h30 (horário de Manaus) contra a Inglaterra.

O Brasil iniciou a partida tocando mais a bola, mas deu chance para um contra ataque logo no início da partida e Martinez, que recebeu uma bola longa na esquerda, saiu sozinha e contou com a saída estabanada da goleira Kemelli para abrir o placar, com o gol livre, aos três minutos.

Mas as mexicanas não comemoraram por muito tempo, porque aos cinco minutos Kerolin empatou após passe longo de Victória. A atacante, que joga na Ponte Preta recebeu, colocou na frente e chutou na saída da goleira Alvarado.

Com o empate, o Brasil cresceu de vez no jogo. Aos 17 minutos, conseguiu virá a partir partida novamente com Kerolin. Desta vez, ela recebeu passe de Victória dentro da área e chutou de primeira. A bola fez uma bela curva, não dando chances para a goleira mexicana. Brasil 2 a 1.

O Brasil continuou dominando o jogo, mas parou de traduzir as oportunidades em gol. Kerolin chutou para fora após contra ataque. Em outra jogada, a autora dos dois gols brasileiros entrou sozinha na área e rolou para Brenda Woch, mas a camisa 11 chutou fraco e desperdiçou a chance de ampliar a vantagem.

Segundo tempo

Atrás no placar, o México voltou mais agressivo no segundo tempo e aos seis minutos Ovalle chutou de longe para deixar tudo igual novamente. E a atacante mexicana deixou mais um aos 17 minutos. A jogadora mexicana aproveitou uma sobra de bola após confusão da defesa brasileira na pequena área.

Com o placar a favor, as mexicanas passaram a marcar forte no meio campo. O Brasil não conseguia reagir, principalmente porque a arma secreta brasileira, Kerolin, estava bem marcada e não conseguia encontrar espaço. Em uma das poucas vezes que conseguiu isso, a atacante saiu cara a cara com a goleira, mas a bola carimbou a trave.

A partir daí as mexicanas continuaram com a marcação forte, cometendo muitas faltas e em uma dessas faltas Ariadna foi derrubada na área por Villegas. Pênalti. Victoria cobrou aos 51 do segundo tempo e a bola foi no travessão. Frustração para a seleção canarinho que perdeu a chance de sair com um empate no último lance da partida.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.