Terça-feira, 12 de Novembro de 2019
SHOW DE BOLA

Com público recorde, Amazonas se consolida no cenário do futebol feminino

O público de 15.107 pessoas presentes na Arena da Amazônia garantiu o recorde de todas as edições da competição



IRANDUBA03333.jpg (Foto: Antonio Lima)
22/06/2017 às 00:47

O jogo entre Iranduba e Flamengo, pelo Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, nesta quarta-feira (21), foi um show de bola dentro e fora das quatro linhas. O público de 15.107 pessoas presentes na Arena da Amazônia garantiu o recorde de todas as edições da competição.  No ano passado, o Hulk já havia quebrado recorde ao levar 8.147 torcedores para a partida diante do Corinthians.

A partida deste ano entra nas estatísticas também como a segunda que mais movimentou torcedores na Arena da Amazônia em 2017, ficando por pouco atrás apenas do jogo da Seleção Brasileira feminina, que levou 16.198 pessoas ao estádio.



A renda de R$ 53.010,00 não foi o principal lucro. A presença dos torcedores serviu também para confirmar  o envolvimento do torcedor amazonense com o futebol feminino. Até mesmo as rivais reconhecem o feito do Iranduba. “Acho que vivenciar isso, essa casa cheia é muito gratificante para o esporte. Eu gostaria que outros clubes também pudessem fazer isso porque motiva, ajuda. Esse apoio da torcida, próxima de nós, faz toda a diferença. Você vê aqui famílias, crianças, até mesmo para o crescimento do País isto é muito importante”, garantiu Pâmela, atacante do Flamengo. O discurso foi acompanhado pela capitã da equipe.

“A equipe do Iranduba está de parabéns. O estado do Amazonas representou o futebol feminino e está de parabéns. Obrigada”, confessou a lateral Roberta.

Para as jogadoras do Hulk, a força das arquibancadas virou um aliado na busca pelo primeiro título do time amazonense na elite do futebol nacional. “Isso é um caldeirão já. Quando entramos e vemos essa partida, não tem nem explicação. Eu sou grata, de verdade, e creio que contra o Santos (pela semifinal) vai estar mais cheio ainda e, se Deus quiser, nós vamos chegar até a final”, disse a zagueira Sorriso. A atleta, que é paulista, também revelou a surpresa das adversárias com a mobilização na cidade. “Até as meninas do Flamengo ficaram abismadas, falaram: ‘Caramba, vendeu mais de 13 mil ingressos. Como vai ser jogar lá’. Eu falei: ‘É muito bom sentir o calor daqui, do torcedor amazonense.’” , finalizou.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.