Publicidade
Esportes
nos jogos olímpicos

Cônsul adianta que multidão de colombianos deve invadir o Porto de Manaus em agosto

Cônsules da Colômbia e Japão visitam o Comitê Organizador Manaus 2016 nesta quinta-feira (2), para alinhar detalhes visando o conforto e segurança dos torcedores de seus países. Transporte e saúde com atendimento bilíngue foram exigidos 02/06/2016 às 17:53
Show  dsc8835 psd
acritica.com / com informações da assessoria de imprensa
Na manhã desta quinta-feira (2), os cônsules da Colômbia e Japão estiveram na sede do Comitê Organizador das Olímpiadas Locais Manaus 2016, localizado na Zona Centro-Sul de Manaus, para alinhar detalhes visando o atendimento aos turistas internacionais durante as partidas que os dois países farão na Arena da Amazônia, pelo Torneio de Futebol Olímpico, no mês de agosto.

Na ocasião, José Gilberto Rojas Florez, cônsul-geral da Colômbia em Manaus, revelou que uma verdadeira caravana de embarcações colombianas deve invadir o Porto de Manaus, localizado no Centro da cidade, nas vésperas dos jogos – a seleção da Colômbia, país fronteiriço com o Estado do Amazonas, disputará uma partida por noite durante as três rodadas duplas que acontecem em Manaus: dia 4 de agosto contra a Suécia e dia 7 contra o Japão pelo torneio masculino, e dia 9 contra os Estados Unidos, pelo torneio feminino.

Tanto Florez quanto Shuji Goto, cônsul-geral do Japão na capital amazonense, expressaram suas preocupações principalmente sobre dois aspectos: o transporte de passageiros e o atendimento bilíngue em pontos de interesse. O secretário de Estado Mario Aufiero, coordenador do Comitê Estadual Manaus 2016, garantiu que as demandas apresentadas serão atendidas. “Vamos ter atendimento bilíngue nesses pontos para atender os turistas que vêm de fora, sem dúvida, contando com a ajuda de nossos voluntários”, disse Aufiero.

Pensando nos torcedores, Florez ele questionou se haverá atendimento em espanhol para os turistas, e Mario Aufiero garantiu que sim, assim como no Aeroporto Internacional de Manaus e nos principais pontos turísticos da capital: “Temos inclusive médicos que se inscreveram para atuarem como voluntários durante os Jogos em Manaus que falam inglês, espanhol e até mesmo japonês", disse o secretário, ao informar que o idioma é um dos pré-requisitos da vaga até.

A Seleção Olímpica do Japão joga em Manaus nos dias 4 (contra a Nigéria) e 7 (contra a própria Colômbia). O japonês Shuji Goto indagou, ainda, sobre atendimento bilíngue em hospitais, o que poderá ser providenciado segundo informou Aufiero. A questão do transporte dos torcedores e o acesso ao estádio multiuso também foi discutida e o planejamento da cidade foi apresentado, agradando aos representantes.

O secretário Mario Aufiero agradeceu a visita dos cônsules pois acredita que este diálogo é fundamental para um resultado positivo durante a realização dos Jogos Olímpicos no Amazonas. “Isso tudo faz parte do nosso intuito em fazer dos jogos a melhor experiência possível para todos, sejam atletas ou torcedores”, declarou o coordenador.

Publicidade
Publicidade